São Luiz x Internacional

Ricardo Duarte/Internacional

LANCE!
20/01/2019
21:06
Futebol Latino

O Inter estreou com o pé direito no Gauchão. Em Ijuí, o time comandado por Odair Hellmann venceu o São Luiz por 1 a 0, com gol marcado pelo zagueiro Emerson Santos.

Na próxima rodada, o Colorado mede forças com o Brasil de Pelotas, no Beira-Rio. Já o São Luiz encara o Caxias.

O duelo

O Internacional começou o duelo com o pé no acelerador. O melhor atleta Colorado era Sarrafiore, que comandava os passes no meio-campo e distribuía o jogo com muita qualidade.

Com o passar do tempo, o São Luiz conseguiu acalmar o ritmo do rival e colocou a casa em ordem. Porém, o time do interior gaúcho não conseguia concluir com qualidade as jogadas e desperdiçou algumas oportunidades.

Na etapa final o ritmo do jogo continuou o mesmo. Sem inspiração, o Internacional pouco apresentava e o técnico Odair Hellmann tentava animar o time com as alterações.

Na metade do segundo tempo, Neilton entrou e o Colorado animou. Na primeira oportunidade, o atacante cobrou uma falta que levou perigo ao rival.

Aos 37 minutos, quando parecia que tudo ficaria sem gols, Emerson Santos deu a vitória ao Colorado. O zagueiro avançou com a bola pela intermediária, soltou a bomba e Carlão tomou um belo frango.

Nos acréscimos, o Internacional por muito pouco não ampliou o marcador. Guilherme Parede soltou a bomba na cobrança de falta e acertou o travessão.

FICHA TÉCNICA

SÃO LUIZ 0 x 1 INTERNACIONAL
Local: 19 de Outubro , Ijuí (RS)
Data-Hora: 20/01/2019 – 19h
Árbitro: Erico Andrade (RS)
Auxiliares: Luiza Naujorks (RS) e Gustavo Marin Schier (RS)
Público/renda: . pagantes/R$
Cartões amarelos: Ricardo (SLZ), Juan Alano (INT)
Cartões vermelhos: –
Gols: Emerson Santos (37’/1ºT)

SÃO LUIZ: Carlão; Maicon, Pablo, Ricardo e Marcelo Goiano; Régis, Mikael e Clayton; Tauã (Anderson Paraíba, aos 36/2ºT), Thiago Alagoano e Marcão (Dimitry, aos 30/2ºT). Técnico: Paulo Henrique Marques.

INTERNACIONAL: Daniel; Bruno José (Klaus, aos 21/2ºT), Roberto, Emerson Santos e Uendel (Iago, AOS 0/2ºT); Rithely, Rodrigo Lindoso e Juan Alonso, Sarrafiore (Neilton, aos 15/2ºT), Pedro Lucas e Guilherme Parede. Técnico: Odair Hellmann.