Rivaldo Betfair

Rivaldo deu suas opiniões sobre o futuro do comando da Seleção Brasileira (Foto: Divulgação/Betfair)

LANCE!
14/04/2022
17:18
Rio de Janeiro (RJ)

O ex-jogador Rivaldo comentou os rumores sobre Pep Guardiola, seu ex-companheiro de clube nos tempos de Barcelona, ser cotado para assumir o lugar de Tite na Seleção Brasileira em 2023. Na opinião do campeão do mundo, o atual treinador do Manchester City não aceitará o convite, caso ele realmente seja feito.

- Não acredito que ele vá aceitar o convite de treinar a Seleção Brasileira, se surgir a proposta - disse Rivaldo, em entrevista à Betfair.

Para Rivaldo, também há uma questão em aberto em relação ao torcedor brasileiro, a aceitação de um técnico estrangeiro comandando a seleção canarinho.

+ Imprensa internacional repercute o falecimento de Rincón

- Eu tive a oportunidade de jogar com o Guardiola no Barcelona e de conhecê-lo pessoalmente. Tenho uma grande admiração por ele. Pep é um dos melhores treinadores do mundo há vários anos, mas ainda assim tenho algumas dúvidas se o povo brasileiro aceitaria isso tranquilamente, pois o Brasil nunca teve um técnico estrangeiro antes - disse Rivaldo.

- Na minha opinião, a Seleção Brasileira deveria continuar 100% nacional, pois isso permite ao técnico local ter um maior conhecimento e compreensão de tudo o que envolve o futebol brasileiro e isso ajuda em muitas situações. Mas a qualidade de Pep Guardiola enquanto técnico não está em dúvida, de modo algum, e eu penso que muitos brasileiros até gostariam de ver como as coisas iriam correr sob o comando de um técnico tão talentoso e ofensivo quanto ele.