Lopetegui - Real Madrid

Lopetegui em entrevista coletiva durante passagem pelo Real Madrid (Foto: Gabriel Bouys / AFP)

LANCE!
14/02/2019
20:27
Madri (ESP)

Julen Lopetegui rompeu o silêncio e deu a sua primeira entrevista após deixar o Real Madrid, no fim de outubro. O treinador ficou pouco tempo no comando do clube merengue após substituir Zinedine Zidane.

Os resultados de Lopetegui pelo Real Madrid não foram o esperado e ele acabou demitido após levar de 5 a 1 do Barcelona, no primeiro clássico entre as duas equipes na temporada. Porém, a chegada ao Santiago Bernabéu também foi recheada de polêmicas, uma vez que ele foi desligado da seleção espanhola às vésperas da estreia na Copa do Mundo da Rússia.

- Dois meses antes, quando renovei meu contrato com a Espanha, colocaram uma cláusula de rescisão. Foi ideia de Luis Rubiales (presidente da Federação), concordei com ele sem problemas, e logo chegou (a oferta do Real Madrid). O tempo não foi imposto nem por mim e nem pelo Real. Disse que sim, mas sabia que minha única responsabilidade era o Mundial. Manter segredo durante um mês é impossível e não seria honesto. Estávamos convencidos de que era melhor fazer uma coletiva de imprensa para abrir e fechar o tema. E depois disso, o único foro seria o Mundial - afirmou o treinador, em entrevista ao "Football Daily".

Lopetegui acredita que a sua demissão antes do início da Copa foi injusta. Ele foi só elogios aos jogadores da Fúria.

- Os jogadores foram fantásticos. Depois de avisar sobre o acordo com o Real, tivemos nosso melhor dia de treinamentos, nos sentimos muito felizes, mas o presidente tomou essa decisão. Foi um momento muito difícil, nunca vou esquecer porque foi uma surpresa. Senti que foi muito injusto.

O técnico espanhol ficou à frente do Real Madrid por 136 dias, mas não resistiu aos maus resultados e deu lugar a Santiago Solari. Lopetegui acredita que teria condições de colocar os Merengues no rumo das vitórias se tivesse mais tempo à frente da equipe.

Lopetegui comandou o Real Madrid em 14 partidas, com seis vitórias, dois empates e seis derrotas. Foram 21 gols marcados e 20 sofridos neste período.