Manchester United x Manchester City - Guardiola

Guardiola pensa que, em caso de fracasso na Liga dos Campeões, esta pode ser sua última temporada no Manchester City (Foto: PAUL ELLIS / AFP)

LANCE!
13/02/2020
12:49
Manchester (ING)

O técnico Pep Guardiola admitiu em entrevista ao “Football Daily” que o Manchester City poderia demiti-lo caso a equipe obtenha mais um fracasso na Liga dos Campeões frente ao Real Madrid nas oitavas de final. Soma-se a isso a má campanha no Campeonato Inglês em que os vice-líderes estão 22 pontos atrás do Liverpool que pode ser campeão em confronto no Etihad Stadium contra o rival.

O espanhol que jamais conseguiu passar das quartas de final com o clube inglês admite que outra derrota poderia custar seu emprego.

- Se nós não vencermos o Real Madrid, o presidente ou o diretor esportivo do clube irá vir falar que o trabalho não está bom o suficiente, que o objetivo era a Liga dos Campeões e que eu estarei demitido.

Apesar de admitir a possibilidade, o comandante ressaltou a importância do tempo de trabalho, como o Liverpool vem fazendo com Jurgen Klopp.

- Não sei o que pode acontecer, mas isto (demissões) já aconteceu várias vezes. Talvez eles (dirigentes) digam que eu tenha me saído bem e perguntem o que podemos melhorar. O Liverpool passou quatro ou cinco anos para conquistar o primeiro título na última temporada. Foi um processo.

O técnico ainda ressaltou que o fato de não ter ganhado uma Liga dos Campeões não faz do Manchester City uma equipe fracassada.

- É muito difícil vencer. Em mais de 100 anos de história de City, foram 100 anos de fracassos. Isso não é verdade. Eu quero vencer a Liga dos Campeões, sonho com isso e vou aproveitar os jogos contra o Real Madrid para ver o que posso fazer.

Guardiola tenta voltar a ganhar o maior torneio de futebol da europa, após o último título ter sido na temporada 2010/2011 com o Barcelona. Desde então, com passagens por Bayern de Munique e Manchester City, o treinador espanhol só conquistou as competições nacionais de seus países e tem a chance de tentar retomar o rumo das vitórias na Liga dos Campeões a partir do próximo dia 26 de fevereiro, quando encara o primeiro jogo contra o Real Madrid no Santiago Bernabéu.