Felipe - Porto

Felipe é titular absoluto da defesa do Porto (Foto: FC Porto/Divulgação

LANCE!
04/05/2018
15:37
Porto (POR)

Contratado pelo Porto em maio de 2016, o zagueiro Felipe vive a expectativa de conquistar o primeiro título na Europa. Líderes do Campeonato Português com 82 pontos, os Dragões veem Sporting e Benfica, ambos com 77, se enfrentarem neste sábado.  Caso haja empate dos rivais, a equipe entra em campo domingo, diante do Feirense, já com o caneco garantido, quebrando a hegemonia dos Encarnados, campeão das últimas quatro temporadas. Caso contrário, os azuis precisarão da vitória para confirmar com antecipação essa conquista antes da última rodada.

Referência e titular absoluto em Portugal, Felipe espera coroar sua boa fase no Velho Continente. Na seleção do Português 2016/2017, em eleição definida pela Uefa, e também no time ideal do campeonato, em votação promovida pela Federação Portuguesa de Futebol, o ex-corintiano elogiou a campanha do Porto.

- Passamos mais de um turno sem derrotas, tivemos atuações consistentes e fizemos por merecer a primeira colocação. Estamos perto do objetivo mas, até conquistá-lo, não vamos relaxar. Merecemos o título, por tudo que fizemos, e esperamos coroar essa temporada com a Liga, que a nossa torcida também espera e merece muito - afirmou o jogador, que não atua neste fim de semana por ter recebido o quinto amarelo - que ocasiona suspensão em Portugal.

Felipe, do Porto
Felipe faz dupla de defesa com Marcano (Foto: Divulgação)

Felipe lidera ao lado do espanhol Marcano o sistema defensivo do Porto, que tem a melhor defesa da competição, com apenas 17 gols sofridos em 32 rodadas. A equipe, inclusive, passou 19 jogos, ou seja, mais de um turno inteiro, sem ser vazada.

- Nosso sistema defensivo é muito forte, pois todos se doam na partida e ajudam muito. Graças a Deus, desde o início sustentamos a melhor defesa da competição e pudemos ajudar a equipe a conquistar as vitórias. Nosso elenco é bem servido de zagueiros e todos que entraram deram conta do recado ao longo dessa temporada - ressaltou.

Reserva no Corinthians por três anos, o zagueiro deixou o Brasil em alta e com outro status. Em 2015, formou ao lado de Gil a melhor defesa do Brasileirão, em campanha que garantiu o hexa ao Timão. Em 2016, entrou para a Seleção do Campeonato Paulista e depois chegou a ser convocado pelo técnico Dunga para a Seleção Brasileira, em duelo pelas Eliminatórias da Copa do Mundo.