William Saliba

Saliba não jogará a final contra o PSG. O Saint-Étienne não conseguiu a prorrogação de seu empréstimo (Twitter)

LANCE!
23/07/2020
23:34
Paris (FRA)


O Saint-Étienne terá um desfalque de peso para a final da Copa da França, nesta sexta-feira, contra o Paris Saint-Germain. Embora a diretoria da equipe do Vale do Loire tenha tentado a todo custo a prorrogação do empréstimo do zagueiro William Saliba junto ao Arsenal para que ele jogasse esta decisão, as diretorias não chegaram a um acordo. Isso deixou o jogador, de 19 anos, muito frustrado:

- Eu esperava que o final fosse feliz. Era apenas mais um jogo. Mas a verdade é que tenho a sensação de ter saído do Saint-Étienne como um ladrão, furtivamente - disse o zagueiro ao L'Équipe.

Saliba começou profissionalmente no Saint-Étienne e foi negociado ao Arsenal na temporada passada por 30 milhões de Euros. Porém, por ser muito jovem e não ter espaço no clube inglês, foi emprestado para seu ex-time. As boas atuações antes da pandemia o valorizaram e a comissão do Arsenal decidir que ele seria reintegrado ao elenco ao fim do empréstimo. Com a pandemia, Saliba teve de retornar à Inglaterra e, por mais que quisesse jogar esta final, teve de acatar a decisão da diretoria inglesa em não prorrogar o vínculo, alegando que seria um risco ele jogar e se machucar seriamente.

- Como não pude ter a chance de jogar, ao menos queria sentir de perto esta decisão, apoiando a minha equipe do estádio, Mas nem isso. Estou mesmo muito desapontado - disse Saliba, nascido na França e descendentes de franceses e que defendeu a seleção francesa em todas as categorias de base (ainda não foi chamado para a principal). Uma curiosidade: ele começou no futebol  sendo treinador na escolinha do do pai de Mbappé, astro do PSG e da Seleção francesa.

Verdes têm história 

O Saint-Étienne, embora não vença o Campeonato Francês desde 1980/81, ainda é o maior vencedor desta competição, com dez canecos (Olympique e PSG têm nove, cada).

Nesta sexta-feira, tentará o sétimo título da Copa da França (1961-62, 1967-68, 1969-70, 1973-74, 1974-75, 1976-77). Seu último titulo nacional foi a Copa da Liga Francesa em 2012/13. Vale lembrar que em sua fase áurea, nos anos 70, os 'Verdes' contaram com aquele que é considerado o maior jogador francês de todos os tempos ao lado de Zidane: Michel Platini.