Atalanta

O Atalanta goleou em seu primeiro jogo no mata-mata da Liga dos Campeões (Foto: Vincenzo PINTO / AFP)

LANCE!
19/02/2020
17:56
Milão (ITA)

História sendo escrita. Em seu primeiro jogo de mata-mata da Liga dos Campeões, o Atalanta goleou o Valencia por 4 a 1 no primeiro jogo das oitavas de final, no San Siro, em Milão. No primeiro tempo, os gols foram marcados por Hateboer, aos 16 e Ilicic, aos 42. No segundo, Freuler aumentou aos 12 minutos. O lateral que fez o primeiro gol, também fez o quarto, aos 18. Cheryshev diminuiu aos 21.

Como fica o panorama
As duas equipes voltam a se enfrentar no dia 10 de março, às 17h (Brasília), no Estádio de Mestalla, em Valência. O clube espanhol precisa vencer por três gols de diferença para se classificar. O Atalanta tenta segurar o placar sabendo que, se marcar um, o Valencia precisará marcar quatro para, no mínimo, levar o jogo para a prorrogação.

VEJA A TABELA DA LIGA DOS CAMPEÕES DA EUROPA

Primeira vez com pé direito
O primeiro jogo do Atalanta na fase eliminatória da Liga dos Campeões começou com o pé direito. Literalmente. O destro lateral Hateboer marcou dois gols e o time italiano goleou. Agora, pode fazer ainda mais história avançando às quartas de final. E tem uma boa vantagem no placar para isso.
 
​Só vale golaço?
​O jogo só teve gols bonitos. Hateboer abriu o placar após bela jogada e cruzamento de Gómez. Ilicic acertou uma bomba no ângulo para ampliar. Freuler bateu colocado sem chances para o goleiro. Hateboer correu meio campo e bateu na saída do goleiro. Cheryshev, que entrou dois minutos antes de marcar, bateu rasteiro de fora da área no contrapé de Gollini.

Placar poderia ter sido menos largo
​O Valencia perdeu muitos gols. O mais inacreditável foi com Maxi Gómez, dentro da pequena área e sozinho. Gallini saiu jogando errado e a bola sobrou para Ferrán, que tocou para o atacante. O camisa 22 chutou de forma displicente em cima do goleiro, que defendeu.

Um time que ataca muito, mas não defende tão bem
Ao contrário da escola italiana, o Atalanta não é um time tão bom defensivamente. Sofreu em diversas vezes que o Valencia atacava, principalmente após o gol de Cheryshev, que fez o time espanhol crescer na partida. Porém, no ataque chegou com perigo e tem o time bastante entrosado e criativo.