Gabriel, o Pensador (Flamengo)

Gabriel O Pensador tem empresa no meio do futebol (Foto: Divulgação)

LANCE!
21/08/2020
12:50
Santos (SP)

A empresa 'Pensador Futebol LTDA' , de Gabriel O Pensador, perdeu na última instância o processo que moveu contra o Santos sobre a renovação de contrato do lateral Patrick Florindo, em 2013. O músico alegou que o Peixe negociou com o atleta sem o intermédio de sua empresa, mas perdeu nos tribunais e foi condenado a pagar às custas do processo. A informação é do site 'Uol Esporte'.


A empresa acusou o Santos de manter o jovem sem contrato por 47 dias para não pagar o direito de preferência à empresa. O Santos, por sua vez, afirmou que pelo fato do direito ter expirado, o clube não deveria pagar R$ 300 mil a da 'Pensador Futebol' pela negociação. A Justiça entendeu, em julho de 2018, que o pedido da empresa era improcedente.

A empresa recorreu, mas foi derrotada na segunda instância e no Supremo Tribunal de Justiça (STJ), sendo condenada a pagar R$ 54 mil sobre títulos de honorários advocatícios para as advogadas do Santos Gisele Cabrera e Stephanye Azevedo.
.
Em acordo homologado judicialmente, a 'Pensador Futebol'  e o Santos concordaram em diminuir a dívida para 10 mil, que foi convertida em distribuição de cestas básicas, com concordância das advogadas. Ainda segundo o 'UOL', a empresa do músico já depositou o valor devido.