Arte - SBT x Globo

SBT e Globo encabeçam disputa na TV aberta (Arte Lance!)

Ricardo Guimarães
05/05/2022
13:01
Rio de Janeiro (RJ)

A Globo está viva no páreo para retomar os direitos de transmissão da Libertadores da América, competição que deixou a emissora rumo ao SBT em 2020 após uma ruptura de contrato unilateral com a Conmebol. A TV de Silvio Santos segue no páreo e o LANCE! apurou que a decisão - que envolve ainda os direitos para a TV fechada - pode sair até está sexta-feira.

Nos bastidores, o clima é de apreensão, tendo em vista que a decisão bate o martelo para o triênio 2023-2026 e impacta financeiramente a rotina das adversárias na disputa. Quem vencer poderá vender cotas de patrocínios e lucrar com uma audiência grande e consolidada entre os telespectadores brasileiros.

Quanto maior a audiência, maior também o poder de angariar novos patrocinadores. Por isso a decisão também é muito importante para o SBT que, por exemplo, comemorou a maior audiência da história do canal em dois estados após a final de 2021 entre Palmeiras e Flamengo. Já a Globo aposta fortemente nos conteúdos que envolvam clubes brasileiros e entende que a retomada dos direitos da Libertadores cumpre esse papel.

Para conseguir os direitos, as emissoras se comprometeram a aceitar condições da Conmebol como, por exemplo, transmitir a final da competição mesmo que nela não tenha clubes brasileiros. A informação inicialmente foi publicada pelo 'Notícias da TV' e confirmada pelo LANCE!.

Além disso, a Globo teria aceitado mostrar os patrocinadores da Conmebol durante os jogos, segundo o 'UOL'. Quando exibia a competição em sua programação, até 2019, a Globo 'limpava' as marcas que eram parceiras da Conmebol para a transmissão das imagens.

ESPN X PARAMOUNT X AMAZON
Nos canais pagos, ESPN (Disney), Amazon e Paramount disputam o direito de transmissão. As propostas das emissoras estão sob avaliação da Conmebol e da FC Diez, agência responsável pela comercialização dos direitos. Nos bastidores, a notícia é de que não há mais nada a se fazer. Agora é aguardar e torcer.