Diego Ribas

Camisa 10 do Fla só volta ao time em 2020 (Foto: Divulgação/Flamengo)

LANCE!
02/08/2019
19:05
Rio de Janeiro (RJ)

Diego Ribas não voltará ao meio-campo do Flamengo tão cedo devido a uma fratura no tornozelo durante o primeiro jogo das oitavas de finais da Libertadores, contra o Emelec. Entretanto, isso não é o suficiente para deixar o meio-campista do Rubro-Negro longe da bola.

Em vídeo publicado na sua conta do Instagram, o camisa 10 do Flamengo aparece pela primeira vez depois do ocorrido. Ao lado de seu filho, Diego bate bola de cadeira de rodas e com a perna imobilizada. O jogador ainda postou uma mensagem motivacional.

- A verdade é que a vida não nos dá tempo para lamentações. Existe sempre uma maneira de seguir em frente, cabe a nós encontrá-la, pois é atrás das grandes dificuldades que estão os melhores ensinamentos! -, escreveu o jogador.

O camisa 10 não vive uma grande fase dentro de campo e, se um dia já gozou de prestígio com a torcida rubro-negra, hoje, é um dos principais alvos de críticas. A gota d'água foi na Copa do Brasil, quando Diego perdeu um pênalti de maneira displicente contra o Athlético-PR. O erro contribuiu para eliminação do Flamengo em pleno Maracanã lotado. 

Em duelo pela Libertadores, Diego acabou sofrendo uma grave lesão após uma entrada violenta do equatoriano Dixon Arroyo, do Emelec. Os exames confirmaram lesão ligamentar e fratura no tornozelo, exigindo que o jogador fosse submetido a uma cirurgia no local. De acordo com o médico do Flamengo, Márcio Tannure, o prazo de retorno do camisa 10 aos campos é de quatro a cinco meses.