Pedro Abad - Fluminense

Abad tenta quitar as dívidas com os jogadores (Foto: MAILSON SANTANA/FLUMINENSE FC.)

Luiza Sá e Marcello Neves
18/09/2018
12:26
Rio de Janeiro (RJ)

A situação financeira do Fluminense é cada vez mais complicada e os jogadores começaram a mostrar mais seu descontentamento com o momento. O presidente do clube, Pedro Abad, voltou a se reunir com o elenco na última segunda-feira e, mais uma vez, não deu prazo para quitar as dívidas, o que irritou muitos atletas. A informação foi dada pelo "Netflu" e aprofundada pelo LANCE!.

Atualmente, o Flu deve dois meses de salário e três de direito de imagem. Os jogadores só querem uma nova reunião quando Abad tiver, enfim, um prazo estabelecido para colocar as contas em dia. Jogadores experientes foram os que ficaram mais insatisfeitos com a conversa, perguntando até por que o mandatário nunca determina uma data limite para pagar.

Alguns jogadores contratados durante e após a Copa do Mundo sequer viram a cor do salário. Junior Dutra, Everaldo, Cabezas, Paulo Ricardo e Daniel, por exemplo, chegaram em julho e, no mês seguinte, o clube já atrasou o pagamento. Outros, como Digão, só receberam um salário.

No clube, a situação dos planos de saúde foi resolvida após os funcionários terem o benefício suspenso. Porém, aqueles que recebem mais de R$ 5 mil também estão com os pagamentos atrasados.