Marcello Neves
16/09/2018
08:00
Rio de Janeiro (RJ) 

Defendendo o Fluminense, o retrospecto de Gum contra o Atlético-PR é de 14 jogos, sete vitórias, quatro empates e três derrotas. Aproveitamento de 59.52%. Números positivos, mas que ficarão em segundo plano quando outro dado entrar em cena: neste domingo, às 16h, na Arena da Baixada, o zagueiro completará 400 jogos defendendo a camisa tricolor - e joga por uma vitória para não ver esse momento importante terminar como água no chopp. O LANCE! transmite a parte em tempo real.

- A marca do Gum é admirável. Aproveito para cumprimentá-lo publicamente. Se cuida muito, exerce uma liderança positiva em relação ao grupo. Por isso a torcida tem essa admiração também por ele - declarou o técnico Marcelo Oliveira.

São nove anos defendendo o Fluminense, o que fez de Gum o décimo atleta com mais jogos pelo clube. A marca é histórica, mas o zagueiro sabe que não terá uma partida festiva pela frente. Ocupando a 9ª colocação do Campeonato Brasileiro com 31 pontos, o Tricolor pode terminar a rodada na sétima colocação e colar no G-6 em caso de vitória - e se as combinações de resultados forem positivas. 

Por outro lado, a delegação tricolor também sabe que terá um adversário duro pela frente. O Atlético-PR arrancou após a pausa para a Copa do Mundo e desponta como um dos melhores mandantes do returno. Nas últimas quatro partidas que realizou na Arena da Baixada, venceu todas. Se antes a luta era contra o rebaixamento, agora o Furacão olha para a parte de cima da tabela. 

- O Atlético-PR lá é sempre difícil. Seja por causa do bom time, da torcida ou também, um pouco, por causa do gramado. Mas trabalhamos forte durante essa semana e vamos em busca de um bom resultado - declarou o treinador.

Para tentar ser um visitante indigesto, o Flu conta com importantes retornos. Junior Sornoza, que estava defendendo a seleção equatoriana, volta a ficar à disposição do técnico Marcelo Oliveira. Já o goleiro Júlio César, que deixou o clássico contra o Botafogo com dores na região lombar, foi liberado. Por outro lado, o lateral-esquerdo Ayrton Lucas recebeu o terceiro amarelo e está suspenso, dando lugar para Marlon.