Gabi - Flamengo x Atlético-MG

Gabi fez um dos gols do Flamengo no tempo regulamentar (Foto: Marcelo Cortes/Flamengo)

LANCE!
21/02/2022
08:00
Cuiabá (MT)

Após o vice da Supercopa no Brasil, no último domingo, um questionamento ficou em alta entre os torcedores do Flamengo: por que Gabi não bateu o
último pênalti da decisão? Vitinho desperdiçou a 12ª cobrança do Rubro-Negro, e o Atlético-MG se sagrou campeão

> GALERIA: Veja os memes de Atlético-MG x Flamengo na Supercopa do Brasil

> ATUAÇÕES: João Gomes e Filipe Luís são os melhores do Fla na Supercopa

Ainda não é assinante do Cariocão-2022? Acesse www.cariocaoplay.com.br, preencha o cadastro e ganhe 5% de desconto com o cupom especial do LANCE!: GE-JK-FF-ZSW

Durante a entrevista coletiva, o questionamento foi levado até o técnico Paulo Sousa. O Mister explicou que ficou decidido que, caso caso fossem necessárias mais de cinco cobranças, os jogadores decidiram entre si quem iria bater.

- Quando nós decidimos os cinco primeiros e a ordem dos cinco primeiros, decidimos com todo o elenco que as decisões eram tomadas após esses mesmos cinco, ou seja, se houvesse continuidade quem se sentisse melhor entre eles tomassem essas decisões.

Diego, que entrou no segundo tempo, foi entrevistado pela TV Globo ao fim da partida e também respondeu a mesma pergunta. O camisa 10 explicou e também parabenizou Vitinho por ter assumido a responsabilidade. 

- É uma questão do Gabi e nós confiamos nos jogadores. Conversamos ali, quem iria para a cobrança, e foi decidido que o Vitor foi bater. Parabenizo a coragem dos jogadores, em especial do Vitor por ter assumido a responsabilidade de bater o segundo pênalti. É muito difícil bater um, dois é ainda mais. Foi isso o que aconteceu. Temos que levantar a cabeça e seguir em frente - disse.