Flamengo x Peñarol Bruno Henrique

Bruno Henrique vira o líder de assistências da Libertadores (Foto: Alexandre Vidal/Flamengo) 

Marcello Neves
12/04/2019
13:00
Rio de Janeiro (RJ) 

A goleada por 6 a 1 do Flamengo sobre o San José (BOL), nesta quinta-feira, no Maracanã, serviu para aumentar dados individuais e coletivos. Para o Rubro-Negro, serviu para chegar à liderança do grupo e precisar de apenas um empate para classificar. Para Bruno Henrique, serviu para se tornar o líder de assistências da Copa Libertadores 2019.

O atacante foi o autor de dois passes para gol na partida contra o San José e chegou a quatro assistências nesta edição de Libertadores. Com isso, ultrapassou Luan, do Atlético-MG, e Nico López, do Internacional, e assumiu a liderança do quesito. Dos oito passes para tentos do Rubro-Negro no torneio, Bruno Henrique foi responsável pela metade. 

Bruno Henrique chegou a ser dúvida pela partida devido a dores musculares. Sem poder contar com Gabriel, suspenso, e Fernando Uribe, que ainda se recupera de uma lesão no tornozelo esquerdo, a opção de Vitor Gabriel foi testada. Entretanto, a boa recuperação do líder de assistências pesou para a escolha de Abel Braga.

- Ele já tinha me dado essa dicazinha um ou dois jogos atrás quando foi para atacante. Hoje, nos 90 minutos a surpresa foi grande. A verticalidade é grande. Para esse pessoal que gosta da bola (meias) é muito bom - declarou o treinador. 

Com o resultado desta quinta-feira, o Flamengo assumiu a liderança do Grupo D e precisa de apenas mais um ponto nos dois jogos restantes para garantir a classificação para as oitavas de final. O Rubro-Negro enfrenta a LDU (EQU) e o Peñarol (URU), ambos foras de casa, respectivamente, nas próximas rodadas.

ARRASCAETA TAMBÉM SE DESTACA

O uruguaio De Arrascaeta já está nas graças da torcida, mas deu mais uma demonstração de que pode ser titular do Flamengo ao longo da temporada. Além de marcar um belo gol contra o San José, ele se tornou o líder de chutes em uma única partida na fase de grupos desta Libertadores.

Explica-se: foram 14 participações em finalizações do Flamengo durante a partida contra o San José. Foram oito chutes a gol - marcando uma vez - e outros seis passes para seus companheiros finalizarem. Com isso, é o jogador com mais participações para chutes da fase de grupos da Libertadores, de acordo com dados do Opta Sports.