A Polícia Militar acompanhou de perto e não houve grandes contratempos

A Polícia Militar acompanhou de perto e não houve grandes contratempos-(Reprodução/TV Globo)

Valinor Conteúdo
22/09/2020
17:07
Belo Horizonte

A manhã desta terça-feira, 22 de setembro, teve mais uma onda de protestos de torcedores ligados à organizadas do Cruzeiro na porta da Toca da Raposa.

Em pequeno grupo de 50 pessoas tentaram invadir o CT cruzeirense dom chutes no portão e gritos contra os jogadores e outros membros do clube pela má campanha na Série B do Brasileiro.

Foi a segunda tentativa de falar com os atletas, depois da chegada do elenco de Maceió, no último domingo, 20, quando alguns torcedores foram ao Aeroporto de Confins criticar o time depois da derrota por 3 a 1 para o CSA.

O protesto foi acompanhado pela Polícia Militar, que não observou maior movimentação das facções envolvidas no protesto.