Corinthians - Pacaembu

Corinthians enfrenta o Santos nesta segunda-feira no Pacaembu (Foto: Bruno Teixeira)

Ana Canhedo
08/04/2019
07:00
São Paulo (SP)

O Corinthians volta ao Pacaembu nesta segunda-feira, para defender a boa vantagem conquistada no jogo de ida da semifinal contra o Santos, e carimbar a vaga à decisão do Campeonato Paulista. Longe do estádio desde outubro do ano passado, quando empatou em 1 a 1 com o rival no Brasileirão, tem um recorde de 1996 para defender: desde então, nunca perdeu para o Peixe em um jogo de estadual no estádio.

Na história do Paulistão, Corinthians e Santos se enfrentaram por 48 vezes no Pacaembu. São 18 vitórias do Timão, 17 empates e 13 derrotas para o rival desta segunda-feira. A última delas em 21 de abril de 1996, quando mais de 25 mil pagantes assistiram aos gols de Giovanni, duas vezes, e Macedo. Marcelinho, de falta, e Edmundo descontaram para o Timão.

De 1996 para cá, foram disputados outro sete jogos entre os alvinegros no Pacaembu, pelo estadual: 2018, 2013, 2011 (duas vezes), 2009 (duas vezes) e 2001. Em 18 de março de 2001, Marcelinho, Luizão, Ewerthon (duas vezes) e Ricardinho anotaram na goleada por 5 a 0, ainda na primeira fase.

O jogo mais relevante, porém, aconteceu em 3 de maio de 2009, quando os dois times empataram em 1 a 1 no tempo normal e o Corinthians sagrou-se campeão paulista diante do rival. Na ida, na Vila Belmiro, o Timão de Ronaldo e Dentinho já havia ganhado por 3 a 1.

Em 2011 e 2013, outros dois jogos de final. Na primeira, um 0 a 0 no Pacaembu encaminhou o título do Santos no jogo seguinte, disputado na Vila Belmiro. Em 2013, a vitória por 2 a 1 com gols de Paulinho e Paulo André começaram a costurar o título do Corinthians na Vila, no jogo seguinte.

No geral, destes sete jogos dos últimos 23 anos, foram três empates e quatro vitórias do Corinthians, com direito a goleada e título conquistado diante do rival. Nesta segunda-feira, porém, o Timão enfrentará não só os 11 titulares do Peixe, mais todo o estádio torcendo contra - o clássico será disputado com torcida úncia do Santos.