Fábio Carille

Carille volta ao Corinthians seis meses após ter ido para o Al Wehda (Foto: Antonio Cicero/PhotoPress)

LANCE!
07/12/2018
16:58
São Paulo (SP)

O Corinthians anunciou nesta sexta-feira o retorno do técnico Fábio Carille, que estava no Al Wehda (SAU). O treinador volta ao Timão seis meses depois de ter saído para comandar a equipe saudita. 


Além de Carille, voltam ao Corinthians o auxiliar Leandro da Silva, o Cuca, o preparador físico Walmir Cruz, o observador técnico Mauro da Silva e o analista de desempenho Denis Luup. Dos profissionais que haviam deixado o Corinthians com o treinador, apenas o preparador de goleiros Mauri Lima não retornará.

O Corinthians fez o anúncio primeiramente para seus torcedores em uma medida inovadora. Minutos antes de confirmar o retorno em suas redes sociais, o Timão convidou as pessoas a enviarem mensagem para um número de WhatsApp oficial do clube para interação, o "Loko Fiel". Quando a pessoa enviava a mensagem, vinha a confirmação do retorno de Carille. 

Na sequência, o Corinthians passou a publicar material sobre o técnico e sua comissão nas redes sociais, com vídeos de conquistas e outras imagens, uma delas em que ele usa um chapéu de palha.


Carille foi anunciado após a demissão de Jair Ventura, que ficou no Corinthians por cerca de três meses. Ainda em 2018, o Timão foi comandado por Osmar Loss. O técnico para 2019 deve retornar ao Brasil no fim da semana que vem. Ele ainda comanda mais um jogo na Arábia Saudita.

As conversas para a volta de Carille começaram em novembro, quando o presidente do Corinthians, Andrés Sanchez, se encontrou com o empresário Paulo Pitombeira em viagem à Europa. Após o acerto entre as partes, o Timão desembolsou 700 mil dólares (R$ 2,7 milhões) para pagar a multa rescisória do treinador com o Al Wehda - o vínculo era válido até o meio de 2020.

No Corinthians, Carille foi efetivado no fim de 2016 e comandou a equipe em 114 jogos, com 59 vitórias, 32 empates e 23 derrotas (aproveitamento de 61,1%). Ele conquistou três títulos: Paulista em 2017 e 2018 e o Brasileirão de 2017.