Adson - Corinthians x Ceará

Marcando dois gols, Adson foi protagonista na estreia de R.Augusto pelo Timão (Foto: Rodrigo Coca / Ag. Corinthians)

Fábio Lázaro
09/01/2022
07:00
São Paulo (SP)

O ano de 2021 foi muito importante para o atacante Adson. Em sua primeira temporada como atleta profissional pelo Corinthians, o atacante fez 24 partidas, marcou três gols e deu três assistências, superando marcas das duas principais revelações recentes do Timão, o meia-atacante Pedrinho, que atualmente está no Shakhtar Donetsk, da Ucrânia, e o atacante Malcom, que defende o Zenit, da Rússia. 

Em seu primeiro ano como profissional, em 2014,  Malcom, que também defendeu o Bordeuax, da França, e o Barcelona, da Espanha, antes de se transferir para o futebol russo, fez os mesmos 24 jogos de Adson, mas foi às redes duas vezes, uma a menos que o atual camisa 28 corintiano. 

Já Pedrinho, que passou pelo Benfica, de Portugal, anteriormente ao Shakhtar, jogou 20 vezes pelo Corinthians e marcou somente um gol na sua temporada de estreia como profissional, em 2017. 

Adson celebrou as marcas da sua primeira temporada com a camisa alvinegra no time principal e não escondeu uma admiração especial por Pedrinho, com quem teve contato na base corintiana, mas sempre estando uma categoria abaixo. 

- É uma honra para mim, conseguir manter o mesmo ritmo de dois dos grandes
jogadores que o Corinthians revelou nos últimos anos, principalmente o
Pedrinho. Nunca escondi de ninguém a admiração que tenho por ele. Vejo
muitas das características dele, como as minhas: habilidade, perna esquerda e
finalização. Fico muito feliz por seguir representando bem quem vem da base
do clube - afirmou o meia-atacante do atual elenco do Timão. 

DESAFIOS EM 2022

Ao lado de Gustavo Mosquito e Gabriel Pereira, Adson também registrou ótimos números no aspecto dribles no último Campeonato Brasileiro, mas assim como os outros dois companheiros terá que disputar posição na temporada 2022, já que, mesmo se destacando no ano passado, o atleta viu o nível do setor ofensivo corintiano aumentar no segundo semestre, após a chegada de Giuliano, Renato Augusto, Willian e Róger Guedes, principalmente os dois últimos, que atuam pelos lados do campo. 

Ainda assim, a prata da casa vê com expectativa a temporada que iniciará para o Timão no dia 25 de janeiro, com a estreia no Campeonato Paulista contra a Ferroviária, na Neo Química Arena. 

- Minha expectativa é grande para 2022. O elenco foi fortalecido com a chegada de grandes nomes e isso exigiu uma evolução ainda maior da minha parte. Quero contribuir demais ao Corinthians desde esse início no Paulistão e aumentar os números de 2021 - destacou Adson. 

Os gols que Adson marcou na última temporada foram contra Cuiabá e Ceará duas vezes, pelo Campeonato Brasileiro. Já as assistências foram também contra o Cuiabá, pelo Brasileirão, e Sport Huancayo, do Peru, e River Plate, do Paraguai, pela Copa Sul-Americana.