Festa do Palmeiras

Palmeiras dominou a seleção da Bola de Prata da ESPN (Foto: Luis Moura / WPP)

Vitor Chicarolli
03/12/2018
14:56
São Paulo (SP)

O Palmeiras dominou a seleção do prêmio Bola de Prata ESPN, realizado na tarde desta segunda-feira, em São Paulo. Campeão brasileiro de 2018, o Verdão cedeu quatro atletas para a seleção da competição e ainda viu Luiz Felipe Scolari, receber o troféu de melhor treinador. A equipe ideal da temporada teve os palmeirenses: Weverton, Mayke, Bruno Henrique e Dudu. O camisa 7 alviverde foi eleito o craque do campeonato.

​Vice-campeão, o Flamengo teve dois nomes na seleção: Renê, lateral-esquerdo, e Lucas Paquetá, meia. Victor Cuesta (Internacional), Pedro Geromel (Grêmio), Rodrigo Dourado (Internacional), Everton (Grêmio) e Gabigol (Santos) completaram o time.


Geromel conquistou a Bola de Prata pelo quarto ano consecutivo, fato inédito na história da premiação. As conquistas do zagueiro o fazem empatar com Gamarra, Figueroa e Ricardo Rocha como os defensores que mais vezes levaram o troféu.

- Ganhar pela quarta vez é um motivo a mais para estar aqui ano que vem de novo - disse o defensor.

Com 18 gols, Gabigol recebeu a chuteira de ouro, troféu entregue ao artilheiro do Brasileiro.

Wescley, atacante do Ceará, recebeu o prêmio de gol mais bonito do Brasileirão, marcado diante do Corinthians, pela quarta rodada, em maio, na Arena de Itaquera. O tento foi eleito com 61,2% dos votos, por meio de uma votação na internet.

- Fico feliz pelo prêmio. Sem dúvida foi o gol mais bonito e um dos mais importantes - expôs o jogador.

Por fim, o paranaense Rafael Traci foi eleito o melhor árbitro do campeonato.

Confira a seleção da Bola de Prata:
Goleiro: Weverton (Palmeiras)
Lateral-direito: Mayke (Palmeiras)
Zagueiro: Pedro Geromel (Grêmio)
Zagueiro: Victor Cuesta (Inter)
Lateral-esquerdo: Renê (Flamengo)
Volante: Bruno Henrique (Palmeiras)
Volante: Rodrigo Dourado (Inter)
Meia: Dudu (Palmeiras)
Meia: Lucas Paquetá (Flamengo)
Atacante: (Everton (Grêmio)
Atacante: Gabriel (Santos)