Erik - Botafogo

Erik vai jogar no futebol japonês (Foto: Vítor Silva/Botafogo)

Sergio Santana
26/07/2019
17:21
Rio de Janeiro (RJ)

Erik não é mais jogador do Botafogo. O atacante finalizou, nesta sexta-feira, uma transferência para o Yokohama Marinos, do Japão, clube que vai defender até o final de 2020 em um novo empréstimo - ou seja, os direitos federativos do atleta continuarão filiados ao Palmeiras.

O jogador, inclusive, já se despediu dos jogadores e vai viajar ao país asiático o mais rápido possível, já que o Campeonato Japonês está em andamento. Desta forma, Erik não vai participar da partida contra o Flamengo, no próximo domingo, no Maracanã, pelo Campeonato Brasileiro. A BotafogoTV, o atleta se despediu, emocionado, do clube de General Severiano.

- Estou aqui para falar um pouco de tudo que vivi aqui dentro. É um momento de muita gratidão, só tenho que agradecer aos torcedores, ao staff do clube, todos aqueles que cuidaram de mim da melhor forma possível. É um clube que me identifiquei muito. Vocês (torcedores) falaram, e falam sempre, que eu fui escolhido e aquilo sempre fica na minha cabeça - afirmou.

Como o Botafogo não pagou nada pelo empréstimo de Erik junto ao Palmeiras no início do ano, a equipe não vai receber nenhum tipo de taxa de vitrine pela transferência. O acordo com a equipe paulista previa uma liberação sem custos caso uma proposta do exterior chegasse.

- Cheguei aqui em um momento difícil e mais difícil ainda é falar isso para vocês. Só tenho a falar que tenho gratidão, estou seguindo um novo caminho, um novo ciclo, mas esse ciclo aqui não acabou não. É só um até logo, não um adeus, mas às vezes a gente tem que pensar no futuro da família, só quero deixar o meu muito obrigado - completou.

Erik chegou ao Botafogo em agosto do ano passado e foi um dos destaques da equipe comandada por Zé Ricardo no segundo semestre do Brasileirão, tirando o time da briga pelo rebaixamento. No começo do ano, ele retornou ao Palmeiras, mas sua vontade de voltar ao Alvinegro resultou em novo acordo de empréstimo com o Verdão.

O camisa 11 era titular absoluto de Eduardo Barroca e um dos jogadores mais identificados para com a torcida. Com a saída de Erik, o treinador conta com Rodrigo Pimpão, Lucas Campos e Leonardo Valencia para atuarem na posição de lado de campo.