John Textor - Botafogo

John Textor é o novo dono do Botafogo (Foto: Vítor Silva/Botafogo)

Sergio Santana
16/02/2022
14:18
Rio de Janeiro (RJ)

Enquanto passa por significativas mudanças fora de campo, o Botafogo também olha para possibilidades de reforçar o elenco. Nesta semana, a equipe de análise de mercado finalizou um relatório de nomes que vão compor uma possível "lista de alvos" do Alvinegro até o fim da janela. O documento será encaminhado a John Textor e André Mazzuco, novo diretor de futebol.

+ Matheus Nascimento foge da pressão de ser 'maior venda da história' do Botafogo: 'Eu só foco no momento'

O processo foi acelerado desde a chegada de Alessandro Brito, contratado por Textor para reforçar a parte de análise de mercado. Vale ressaltar, contudo, que o trabalho já havia começado com Raphael Rezende e Brunno Noce, os outros dois integrantes da equipe do Alvinegro.

Ainda não é assinante do Cariocão-2022? Acesse www.cariocaoplay.com.br, preencha o cadastro e ganhe 5% de desconto com o cupom especial do LANCE!: GE-JK-FF-ZSW

O trio mapeou o mercado em busca de jogadores a partir de características - atributos, estatísticas e valor de mercado delimitado - e vão repassar os nomes a John Textor e André Mazzuco, que serão os principais responsáveis na busca pelas contratações.

+ Inspirado no Manchester City, John Textor quer que o Botafogo tenha 'identidade definida' em cinco anos
 
O Botafogo, portanto, inicia a "segunda etapa" com o objetivo de reforçar o elenco. O primeiro passo foi o mapeamento de mercado. A tendência é que Textor e Mazzuco observem a lista e corram atrás dos nomes que agradem.

Existe e não existe, ao mesmo tempo, pressa para contratar. Textor sabe que o Botafogo está atrasado no mercado em relação a outras equipes, mas o norte-americano não quer "contratar por contratar" neste sentido. O objetivo do executivo, vale ressaltar, é ter o time forte para a disputa do Brasileirão.