LANCE!
20/02/2019
06:05
Rio de Janeiro (RJ)

"Não vai ser fácil na Argentina". Assim destacou Zé Ricardo em entrevista coletiva realizada horas antes de a delegação do Botafogo embarcar para Buenos Aires, onde, nesta quarta-feira, às 21h30 (de Brasília), visita o Defensa y Justicia pelo jogo de volta da fase inicial da Copa Sul-Americana. O LANCE! transmite o duelo no Estádio Norberto Tomaghello em tempo real.

Com a vantagem mínima na bagagem, a equipe de Zé está ciente das dificuldades que encontrará diante do vice-líder do Argentino, que, no Nilton Santos, foi derrotado por 1 a 0 e não apresentou o bom futebol da liga local. O discurso é de imposição, apesar do fator visitante. 

- Ficou evidente que temos um adversário difícil. Não vai ser fácil na Argentina. Vamos tentar nos impor. A vantagem é pequena. Se o Botafogo não atacar, só se defender, as dificuldades serão maiores. Respeitamos o adversário, mas estamos com muita vontade de passar de fase - comentou Zé Ricardo. 

Na Argentina, o Botafogo remará contra um retrospecto ruim em partidas oficiais por lá. Em quatro jogos oficiais no país hermano, o Alvinegro perdeu três vezes por mais de um gol de diferença, resultados que o eliminaria nesta quarta. O último confronto se deu contra o Estudiantes, em 2017, quando saiu derrotado por 1 a 0 pela Libertadores. 

Outra barreira a ser superada será a ausência de Joel Carli. Capitão, o zagueiro argentino seria fundamental pela experiência em torneio continentais e por estar em seu país. No entanto, um contratempo no joelho o fará passar por uma cirurgia e o tirará de ação por cerca de dois meses. Marcelo é quem entrará em seu lugar para segurar o ímpeto do Defensa. Confiança inabalada.