Valinor Conteúdo
30/08/2020
18:40
Belo Horizonte

Satisfeito, mas discreto. Essa foi a forma do técnico Jorge Sampaoli celebrar a conquista do Campeonato Mineiro pelo Atlético-MG, neste domingo, 30 de agosto, vencendo nos dois jogos da decisão, o Tombense.

Foi a primeira taça do argentino, de 60 anos, em solo brasileiro, desde que chegou para comandar o Santos em 2019, assumindo posteriormente o Galo em março deste ano.

Sampaoli elogiou o Tombense e o grupo de jogadores, além de comentar sobre o orgulho de estar e vencer no Brasil.

-Para mim é um orgulho estar neste país e levar um título. Esse grupo havia estado quase fora da classificação, nos custou muito. Paralelamente à disputa do Brasileirão, conseguimos um título difícil, contra um rival estruturado. Na verdade, sinto orgulho-disse.

O comandante alvinegro também falou sobre sua expectativa para o futuro, esperando que o 45º título mineiro do alvinegro de Minas seja o início de um ciclo virtuoso de conquistas.

-Espero que isso(o título mineiro) seja um pontapé para que essa instituição lembre a todo o tempo que tem que ganhar coisas. É responsabilidade dos jogadores, do corpo técnico, diretoria. Por esse caminho temos que ir. Esse é somente um primeiro passo. Os próximos vão ser mais difíceis. E seguramente temos que estar atentos a cada detalhe-comentou o exigente treinador do Atlético, que agora tem sete conquistas(45 a 38) a mais do que seu maior rival Cruzeiro em âmbito regional.

f
Sampaoli celebra o título (Divulgação/Mineirão)