Atlético MG x Unión La Calera

Alerrandro entrou no lugar de Ricardo Oliveira, que sentiu dores no ombro, teve estrela, marcando o gol da vitória do Galo no tempo normal Bruno Cantini / Atlético

Valinor Conteúdo
29/05/2019
18:26
Belo Horizonte

O atacante Alerrandro foi mais uma vez decisivo para o Atlético-MG. O jovem, de 19 anos, marcou o gol da vitória salvador para o Galo sobre o Unión La Calera, por 1 a 0, pela segunda fase da Copa Sul-Americana, que possibilitou que a vaga às oitavas de final fosse para disputa de pênaltis, já que o alvinegro igualou o resultado da ida, 1 a 0 para os chilenos.

O gol de Alerrandro, que entrou no lugar de Ricardo Oliveira, com dores no ombro, foi muito importante, pois colocou o time no páreo para conseguir a classificação. O atacante foi elogiado pelo técnico interino Rodrigo Santana, destacando sua presença positiva no ataque. Alerrandro marcou 11 gols na temporada, em 15 jogos, uma média de quase um gol por partida.

`Porém, Santana disse que é preciso evitar excessos de badalações sobre o atacante, para não queimar etapas no processo de crescimento do jogador.

-O Alerrandro é um jogador que vem crescendo muito, mas a gente tem que tomar cuidado para não expor, porque se ele pegar uma sequência sem gol a cobrança é muito grande. E para um menino retornar a confiança é mais difícil- disse.

Santana comentou que Ricardo Oliveira tem sido um mentor para Alerrandro, o que está sendo importante para a melhoria dentro e fora de campo do jovem avante.

-A gente tem um exemplo do Ricardo, que é um excelente atacante, fez sucesso por onde passou e está passando toda essa experiência para ele, está preparando esse jogador para o futuro também porque ele ajuda no dia a dia. E o Alerrandro está maturando- contou.

O treinador do Galo lembrou do início do jogador em 2019, quando ele fora muito criticado, devido ao passado recente de indisciplina.

-Eu fiz a Taça São Paulo com o Alerrandro. E o primeiro jogo que o Alerrandro pisou em campo, ele foi muito criticado. Antes de começar a partida, era criticado pelo torcedor. Ele ainda estava de cabeça baixa, estava inseguro e é um jogador que vem crescendo, que vem ganhando confiança e, aos poucos, a gente vai colocando ele, no momento certo, no momento ideal, ele terá a sequência- concluiu.