Santos x Atlético-MG - Ricardo Oliveira

Ricardo marcou novamente em um lugar especial para ele: a Vila Belmiro- (Foto: Flavio Hopp)

Valinor Conteúdo
25/11/2018
08:00
Belo Horizonte

O atacante Ricardo Oliveira voltou a marcar gols pelo Atlético-MG após “seca” de quase dois meses. Antes de deixar sua marca contra seu ex-clube, o Santos, Oliveira não colocava uma bola na rede desde o dia 30 de setembro, quando marcou diante do Sport, na goleada dos mineiros por 5 a 2.

O jejum de Ricardo fez falta para o Galo. Foram seis jogos sem vencer e a posição ameaçada no G6, situação que persiste após a derrota para o Santos por 3 a 2, neste sábado, dia 24 de novembro.


Ainda assim, o reencontro com as redes do jogador poderá ser uma arma decisiva contra o Botafogo, na última rodada do Brasileiro, domingo, dia 2 de dezembro, no Independência.

Ricardo, que vinha sendo muito criticado pelo torcedor do Galo, creditou o fim do mau momento ao trabalho e força para não se abalar com os maldizeres sobre o seu futebol.

- Trabalho, né? Trabalho, o reconhecimento do profissional, do empenho, da dedicação que tivemos. E hoje fui coroado com esses dois gols por ter lutado, por nunca ter desistido, por ter perseverado num momento difícil. Eram sete partidas sem fazer gols, e hoje voltar aqui na Vila Belmiro, fazer dois gols. Infelizmente não foi suficiente para a gente ter um bom resultado. Mas, enfim, agora é decidir no último jogo, dentro de casa, nossa vaga tão desejada que é a classificação para a Libertadores, disse Ricardo Oliveira.