Atlético-MG x Fluminense - Ricardo Oliveira

Ricardo  vive mau momento no Galo, mas ainda é o artilheiro do time em 2019 com 14 gols- (Reprodução/Twitter)

Valinor Conteíudo
27/10/2019
18:53
Belo Horizonte

O domingo poderia ser uma comemoração para o atacante Ricardo Oliveira, que completou, no jogo contra o São Paulo, derrota por 2 a 0 para o Tricolor, 100 jogos com a camisa do Atlético.

Mas, o camisa 9 atleticano vive uma fase ruim dentro de campo e mesmo entrando na partida, aos 10 minuto do segundo tempo, não conseguiu mudar o panorama da partida a favor do time mineiro.

Ricardo participou pouco do jogo, pegou menos ainda na bola, tendo uma atuação fraca no seu jogo 100 pelo alvinegro. O centroavante entrou no lugar do argentino Di Santo, no momento que o Galo perdia por 1 a 0. A entrada de Ricardo não deu mais força ao ataque, sintetizando o que foi a atuação de toda a equipe: apática e permissiva com o domínio são-paulino.

Ricardo Oliveira tocou cinco vezes na bola, dando passes certos para os companheiros, além de sofrer uma falta em campo. Não conseguiu nenhum arremate ao gol, fechando mal sua participação no jogo.

O técnico Vagner Mancini disse que vai tentar recuperar o jogador, que está há 10 jogos sem marcar gols, sendo o segundo maior jejum da temporada.
Anteriormente ficou 15 partidas sem deixar sua marca. O último gol de Ricardo Oliveira foi na 14ª do Brasileiro, na vitória sobre o Fluminense, em BH, por 2 a 1.

Oliveira ainda é o artilheiro da equipe no ano de 2019 com 14 gols. Em 100 jogos com a camisa do Galo marcou 36 vezes.