Junior Alonso tem sido dos jogadores mais regulares no Atlético-MG

Alonso fez uma cobrança pessoal e do time sobre os gols de bola aérea que o Galo vem sofrendo no Brasileirão-(Bruno Cantini/Atlético-MG)

Valinor Conteúdo
14/01/2021
17:46
Belo Horizonte

Criticado após a derrota para o Red Bull Bragantino, a defesa do Atlético-MG busca mais estabilidade para evitar gols dos rivais, principalmente nas bolas aéreas, como ocorreu nos dois gols da equipe paulista, que empatou por 2 a 2 com o Galo, pela 29ª rodada do Brasileirão.

O zagueiro Junior Alonso, diretamente envolvido no segundo gol do Massa Bruta, fez a autocobrança e também do time por lances assim.

CONFIRA A TABELA ATUALIZADA DA SÉRIE A DO BRASILEIRÃO

-É uma conta pendente que temos que resolver. Já conversamos sobre isso com o Sampaoli, com os outros companheiros do sistema defensivo e estamos trabalhando todos os dias para poder melhorar nesse sentido. Sabemos que temos essa situação para resolver, mesmo já estando no fim do torneio e creio que nessas partidas finais a margem para os erros será bem pouca. A única coisa que podemos fazer é seguir trabalhando, treinando e estar muito mais concentrados do que já estamos - disse o zagueiro.

A chance de redenção alvinegra e de sua defesa, formada por Alonso, Réver, Guga e Arana, é o duelo do próximo domingo, 17 ,contra o Atlético-GO, no Mineirão, pela 30ª rodada do campeonato. A partida está marcada para às 18h15.

O Galo precisa vencer para manter as chances de conquistar o título Brasileiro e consolidar sua ida para a Libertadores 2021.