Atlético-MG x Sport

A última grande atuação do Galo foi na goleada em cima do Sport por 5 a 2- Bruno Cantini / Atlético

Valinor Conteúdo
10/11/2018
17:04
Belo Horizonte

Ainda acertando os últimos detalhes para encarar o líder Palmeiras, o Atlético-MG pode estar em uma fase ruim no Brasileiro, mas não pode ser acusado de não buscar alternativas para sair da má fase.

O técnico Levir Culpi fez treinos fechados, não revelou o time, buscou incentivar e motivar o elenco. Ao fechar a preparação para o confronto contra o melhor time da competição, o comandante alvinegro disse que tudo pode acontecer, pois ambos tem grandes objetivos nesta reta final da competição

- Esperamos mudar essa fase junto com a torcida. Esperamos uma atitude de conjunto que possa levar o Atlético a um grande resultado. Recuperar aquele prazer que temos nesses jogos que o Atlético acorda e as coisas acontecem. Ninguém sabe qual vai ser o resultado. O Atlético joga em casa, precisa da vitória. Palmeiras quer ser campeão. A lógica é que tudo pode acontecer. O importante é demonstrar que estamos querendo, disse Levir. .

Levir comentou também sobre o desempenho do time nas últimas partidas.

- Não ficamos longe dos resultados nas partidas passadas. Coisas aconteceram, mas o time jogou razoavelmente bem. Tenho plena confiança e acho que é perfeitamente possível acontecer uma virada, já nesse fim de ano. Vamos lutar pra isso. Me senti bem, acho que tenho um elenco bom para trabalhar. É um trabalho para o ano que vem também. Conheço o clube, vou conhecendo os atletas e vou fazer o trabalho preparando a próxima temporada. Agora, temos que buscar resultados, completou.