Martín Rea

O zagueiro Martín Rea deve desembarcar em Belo Horizonte nos próximos dias (Foto: Divulgação Danubio)

LANCE!
11/08/2018
14:45
Belo Horizonte (MG)

O zagueiro Martín Rea está próximo de ser anunciado oficialmente como reforço do Atlético-MG por uma temporada. Neste sábado, o Danubio, clube da primeira divisão do campeonato uruguaio, publicou em seu site a confirmação do empréstimo do jogador pelo período de um ano com opção de compra de 90% dos direitos econômicos em 2019. Pela equipe de Montevidéu, o defensor de 20 anos disputou 13 jogos nesta temporada e balançou as redes uma vez.

Martín Rea chega para suprir a carência no setor defensivo, que se tornou alvo de críticas no Galo devido ao alto número de gols sofridos pela equipe nas disputas de 2018. A contratação será concluída em boa hora, já que o técnico Thiago Larghi vinha falando da necessidade de uma nova peça para o setor desde a saída de Bremer para o Torino (ITA), em junho.

Atualmente, o plantel profissional alvinegro conta com cinco jogadores da posição, são eles: Leonardo Silva, Gabriel, Iago Maidana, Juninho e Matheus Mancini. Após afirmar estar satisfeito com a formação do time, o técnico Thiago Larghi avaliou a chegada de Martín Rea como uma oportunidade de negócio identificada pela diretoria.

- A gente está satisfeito com o que a gente tem. Nesse caso, em especial, é uma oportunidade que está surgindo. A diretoria entende que é uma oportunidade de negócio. A gente concorda, analisando o jogador, um pouco do histórico dele. Apesar de ter pouca experiência, já foi convocado para a seleção de base do Uruguai. Se é uma oportunidade de negócio, se é um jogador jovem, que vem para somar, ganhar experiência, crescer e trabalhar aqui já pensando na próxima temporada, acho que é válido.

A chegada do zagueiro também anima o diretor de futebol do clube, Alexandre Gallo, que afirmou ter feito uma vasta análise sobre o uruguaio antes de fechar o negócio.

- Ele tem vários jogos na seleção de base, nós fizemos uma análise completa do que é o atleta, temos pessoas espalhadas pela América do Sul e temos uma análise de desempenho que acompanha tudo de forma completa - disse o dirigente, que não fechou as portas para novas contratações - Tudo pode acontecer, futebol é muito dinâmico - disse em entrevista à rádio 98 FM.