Cuca - Atlético-MG

Treinador avaliou que Galo fez 70 minutos superiores ao Palmeiras - (Foto: Pedro Souza/Atlético-MG)

Filipe Sodré - Valinor Conteúdo
04/08/2022
01:21
Belo Horizonte (MG)

Em entrevista coletiva, o treinador Cuca, do Atlético-MG, lamentou o empate por 2 a 2, contra o Palmeiras, pela Libertadores. Após sair ganhando por dois gols de diferença, o Galo cedeu o empate nos acréscimos da segunda etapa. 

Com o resultado, agora, o time alvinegro tem obrigação de ganhar na próxima quarta-feira, jogando no Allianz Parque, em São Paulo. Feito que, apesar de difícil, é palpável, segundo o próprio técnico. Confira o que foi dito: 

- O 2 a 1 e o 2 a 2 são muito próximos. Eu tenho comigo que tudo que Deus faz é bom, e quarta-feira a gente vai fazer de tudo para buscar a classificação no Allianz Parque. (...) Está aberto. Quarta que vem, vamos ver o que acontece. - declarou. 

Em outro momento, Cuca avaliou que o Atlético-MG foi melhor durante boa parte do jogo. A visão do comandante alvinegro converge, de certa maneira, com o que foi falado por Abel Ferreira, técnico do Palmeiras, que viu o Galo superior, especialmente na primeira etapa de partida. 

- Depois, o adversário vai ter que sair e você vai mudar sua postura para fazer uma jogada diferente, com jogadores com características diferentes. De repente, prender mais a bola, ou de velocidade, como a gente tentou. Fizemos 1 a 0, 2 a 0, e tivemos as chances para fazer o terceiro - complementou. 

O jogo da volta está marcado para a próxima quarta-feira, 10 de agosto. Um novo empate leva a decisão para os pênaltis, e, antes disso, o Atlético-MG enfrenta o Athletico-PR, no domingo, pelo Brasileirão.