Atlético MG x São Paulo

O Galo busca a terceira vitória seguida, iniciando a sequência de bons resultados contra o São Paulo, vitória por 1 a 0- Rodney Costa/Eleven

Valinor Conteúdo
15/09/2018
17:14
Belo Horizonte

A história de um “campeonato à parte” do clássico Cruzeiro e Atlético-MG, que duelam neste domingo, 16 de setembro, às 16h, no Mineirão, terá de ser deixada de lado pelo clube alvinegro.

A velha rivalidade, a zoeira com os rivais ficarão em segundo plano, pois vencer o Cruzeiro pode levar o time ao sonhado G4, assim, tentar uma arrancada na reta final do campeonato para buscar o título.

A matemática do jogo é simples: vencendo, o Galo pode ultrapassar o Flamengo, que está na quarta posição. Uma derrota, fará a equipe cair para sexta posição e diminuir consideravelmente as perspectivas de título ou classificação direta para a Libertadores do ano que vem.

- Nossos jogadores precisam estar concentrados em jogar futebol, fazer um bom espetáculo e conseguir os três pontos para manter os nossos objetivos no campeonato firmes, disse Thiago Larghi.

Para o lateral-direito Emerson, o clássico é importante, mas manter a boa sequência no Brasileiro deve ser a principal meta da equipe.

- O clássico tem uma importância muito grande, mas o mais relevante para a equipe hoje é a sequencia que o time vem tendo e estamos preparados para uma grande vitória e manter o bom momento que estamos vivendo, explicou.

A divergência entre os clubes é tamanha, que até nos dados das partidas há controvérsias. Segundo o departamento estatístico do clube, o Atlético-MG é o grande vencedor do clássico mineiro. Em 505 jogos, o Galo venceu 204, empatou 133 e perdeu 168, marcou 718 gols e sofreu 639. O Cruzeiro contesta os números em todas as vezes que ambos se enfrentam.