Luan - Atletico-MG - VAIVÉM

Luan confirmou que há proposta corintiana e foi elogiado pelo técnico Fábio Carille- Bruno Cantinni / Atlético-MG

Valinor Conteúdo
22/01/2019
16:41
Belo Horizonte

O Atlético-MG trabalha para reforçar a equipe, mas também tem de atuar para não perder um dos seus principais jogadores, o meia-atacante Luan, que é cobiçado pelo Corinthians.

O técnico corintiano, Fábio Carille, teceu diversos elogios ao jogador, destacando sua versatilidade em campo e força ofensiva.

- Vou falar uma linguagem bem nossa: estou buscando jogadores que andam bem o campo. Que têm participação de área a área, box to box, como falam. Ramiro é um desses, Luan também. Pode fazer quatro funções. Meia, dos lados, e também chegou a jogar de segundo volante – disse o técnico, antes de mencionar a participação do patrocinador corintiano na negociação-disse Carille no programa Bem Amigos, do SporTV.

Mas, os planos de Carille podem ser frustrados se depender da diretoria atleticana. O vice=presidente do Atlético-MG, Lásaro Cândido, postou em sua conta no Twitter que a chance de Luan deixar o Galo agora é "zero".

- Atualmente tenho sido muito questionado na ruas, nos ambientes sociais e até em casa: E o Luan e Elias? Chance do Luan sair agora é ZERO- publicou.
Além de Luan, Lásaro se pronunciou também sobre o volante Elias e a novela da renovação do seu contrato. O volante, que tem contrato até janeiro de 2020 tenta negociar a prorrogação do vínculo, mas a reunião com o seu pai e agente, Eliseu Trindade, marcada para segunda-feira, dia 21 de janeiro, não contou com a presença do presidente Sérgio Sette Câmara, ficando indefinido o futuro do jogador no clube.

Sobre Elias, Lásaro Cândido, não foi tão incisivo como na questão de Luan e evitou qualquer menção ao "bolo" que o agente e pai do jogador levou do presidente do clube, Sérgio Câmara.

- Elias, por outro lado, é importante, e o presidente vai discutir no tempo adequado a renovação. Minha opinião. Agora quero paz (risos) - concluiu Lásaro.

Em julho de 2019 Elias já pode assinar um pré-contrato com outro clube, pois ficará a seis meses do fim do seu vínculo com o Galo.