Otero

Pagamento por Otero virou ação na FIFA, impetradada pelo Huachipato, do Chile, que cobrava o clube mineiro- Antildes Bicalho/Agência Photopress!

Valinor Conteúdo
30/05/2019
17:22
Belo Horizonte

O Atlético-MG afirmou que fez o pagamento ao Huachipato, do Chile, por uma dívida relacionada a compra do meia venezuelano Otero, em 2017.

O valor de 617 mil euros (cerca de R$ 2,7 milhões), foi reclamado pelos chilenos na FIFA, que ganharam o processo na entidade máxima do futebol e também no Tribunal Arbitral do Esporte(TAS). O Galo afirma que fez o pagamento, mas os chilenos ainda não confirmaram a entrada do dinheiro nas contas do clube.

Caso o pagamento não fosse feito até esta quinta-feira, dia 30 de maio, o Galo não poderia registrar novos jogadores e nem realizar novas transações.

Otero está na Venezuela de férias após defender o Al Wehda, da Arábia Saudita, que não exerceu o direito de compra do jogador e vai retornar ao clube mineiro no início de julho.