América-MG x Chapecoense - Comemoração América

O América-MG fez um ano de 2021 com superaçao, bom trabalho e foi recompensado com uma vaga na maior competição do continente-(Foto: Divulgação / América-MG)

Anderson Gonçalves-Valinor Conteúdo
10/12/2021
00:51
Belo Horizonte

O América-MG está indo rumo à América. O Coelho terminou o Brasileirão 2021 na 8ª colocação , com 53 pontos, sua melhor posição na história da competição. O time mineiro só tem celebrações a fazer, pois começou o ano candidato ao rebaixamento, mas soube se reinventar dentro da competição e acabou premiado triplamente.

A campanha americana garantiu o time na Série A pelo segundo ano seguido, algo que não acontecia desde 2003, pôs o clube centenário em sua primeira competição internacional oficial e ainda gerou uma receita não prevista de R$ 21,4 milhões, que virá da premiação do Campeonato Brasileiro. O Coelho recebe essa quantia por ter ficado na oitava colocação do torneio.

Outra coisa a ser comemorada no América é o time não ter se abalado com a mudança de técnico. Vagner Mancini, que vinha fazendo boa campanha no comando do time, saiu para tentar salvar o agora rebaixado Grêmio, sem sucesso. Marquinhos Santos, que foi demitido do Juventude, manteve a base de trabalho do antecessor e conseguiu garantir o Coelho na Libertadores da América de 2022.

Estão classificados para o torneio Sul-Americano Atlético-MG, Flamengo, Palmeiras, Fortaleza, Corinthians, Red Bull Bragantino, Fluminense e América-MG.

Confira quanto cada clube recebeu de premiação no Brasileirão 2021:
Atlético-MG: R$ 33 milhões
Flamengo: R$ 31,3 milhões
Palmeiras: R$ 29,7 milhões
Fortaleza: R$ 28 milhões
Corinthians: R$ 26,4 milhões
Red Bull Bragantino: R$ 24,7 milhões
Fluminense: R$ 23,1 milhões
América-MG: R$ 21,4 milhões
Atlético-GO: R$ 19,8 milhões
Santos: R$ 18,1 milhões
Ceará: R$ 15,5 milhões
Internacional: R$ 14,6 milhões
São Paulo: R$ 13,7 milhões
Athletico: R$ 12,8 milhões
Cuiabá: R$ 11,9 milhões
Juventude: R$ 11 milhões