Titular na última partida, o jogador jogou os 90 minutos contra o CSA

Titular na última partida, o jogador jogou os 90 minutos contra o CSA - (Mourão Panda/América-MG)

Filipe Sodré - Valinor Conteúdo
13/05/2022
18:22
Belo Horizonte (MG) 

Na última terça-feira, o América-MG venceu o CSA por 2 a 0 e chegou às oitavas de final da Copa do Brasil. Recuperado de lesão, o lateral-esquerdo Marlon foi a principal novidade na escalação inicial de Vagner Mancini.   

Em entrevista coletiva, o jogador comemorou o retorno aos gramados e disse que não esperava jogar toda a partida. Marlon não atuava com a camisa americana desde o empate por 1 a 1 contra o Atlético-MG, em abril. 

"Foi até uma surpresa eu ter jogado os 90 minutos, foi algo que, na minha cabeça, eu não conseguiria. Graças a Deus foi um jogo tranquilo, não tive que me expor muito, ainda não estou com o joelho 100%", declarou.  

Em outro momento da coletiva, o lateral admitiu que o objetivo americano na temporada é, novamente permanecer na Série A. Para Marlon, se as circunstâncias permitirem, o Coelho brigará por algo maior no Campeonato Brasileiro, assim como em 2021, quando chegou à Copa Libertadores.   

"O nosso foco sempre, desde o início, é para se manter É o principal objetivo do clube, a gente pretende ter uma sequência e permanecer na Série A.", finalizou 

Agora, o time comandado por Vagner Mancini se prepara para dois jogos fora de casa, contra Coritiba, pelo Campeonato Brasileiro e Tolima-COL, pela Libertadores.