Guilherme Arana abriu o caminho par ao triunfo atleticano no clássico contra o América-MG

Guilherme Arana abriu o caminho par ao triunfo atleticano no clássico contra o América-MG-(Pedro Souza/América-MG)

Valinor Conteíudo
12/02/2022
18:33
Belo Horizonte

No seu primeiro clássico de 2022 do Atlético-MG, o Galo mostrou a força do seu elenco e derrotou o América-MG por 2 a 0, gols de Guilherme Arana e Savarino, no duelo deste sábado, 12 de fevereiro, no Independência, pela sétima rodada do Campeonato Mineiro. O América não derrota o rival desde o dia 1º de maio de 2016, quando superou o alvinegro na decisão do Campeonato Mineiro daquele ano. 

O primeiro tempo da partida foi equilibrado, com o América conseguindo manter o ataque alvinegro longe da sua meta. Porém, a equipe americana pouco agredia o Galo, o que foi fatal na etapa final.

No segundo tempo, a qualidade, versatilidade e força do grupo atleticano fizeram a diferença. A entrada de Keno, que estava cuidando da parte física, foi essencial, pois ele “abriu” o jogo para o Atlético, que conseguiu se sair bem do seu primeiro grande teste na temporada.

CONFIRA COMO ESTÁ A CLASSIFICAÇÃO DO MINEIRO 2022

O América-MG está na quarta colocação, com 10 pontos. Já o Atlético-MG, chegou aos 13, assumindo a liderança da competição. Todavia, ambos podem perder posições ao fim da rodada.

Próximos jogos

O Galo volta a campo no dia 15 de fevereiro, terça-feira, contra o Athletic, às 21h, no Mineirão. Já o Coelho encara o Patrocinense, na quarta-feira, 16, às 19h, no Independência.

FICHA TÉCNICA DA PARTIDA

AMÉRICA-MG 0 X 2 ATLÉTICO-MG
Data: 12 de fevereiro de 2022
Horário: 16h30(de Brasília)
Local: Independência, Belo Horizonte (MG)
Árbitro: Felipe Fernandes de Lima
Assistentes: Ricardo Junio de Lima e Pablo Almeida da Costa
Gols: Guilherme Arana, aos 26’-2ºT(0-1), Savarino, aos 37’-2ºT(0-2)
Cartões amarelos: Juninho (AME), Alê (AME), Nathan Silva (ATL), Allan (ATL), Jair (ATL), Alê (AME)
Cartões vermelhos:

AMÉRICA-MG (Téc: Marquinhos Santos)

Jori; Patric (Raul Cáceres, aos 41’-2ºT), Iago Maidana, Éder e Marlon; Zé Ricardo (Índio Ramirez, aos 30’-2ºT),Lucas Kal, Juninho e Alê (Rodriguinho, aos 41’-2ºT); Henrique Almeida (Matheusinho, aos 13’-2ºT ) e Wellington Paulista


ATLÉTICO-MG (Técnico: Antônio Mohamed)

Everson; Mariano, Nathan Silva, Godín e Guilherme Arana; Allan, Jair (Savinho, aos 40’-2º), Zaracho (Keno, aos 23’-2ºT) e Nacho Fernández (Réver, aos 40’-2ºT); Ademir (Savarino, aos 28’-2ºT) e Hulk