América-MG e CRB fizeram um jogo em ritmo lento pelo degaste das equipes, que jogaram três vezes em menos de uma semana

América-MG e CRB fizeram um jogo em ritmo lento pelo degaste das equipes, que jogaram três vezes em menos de uma semana-(Estevão Germano/América-MG)

Valinor Conteúdo
28/09/2020
21:57
Belo Horizonte

O América-MG voltou a campo nesta segunda-feira, 28 de setembro, diante do CRB, em Maceió, pela 12ª da Série B, com o duelo terminando empatado por 0 a 0.

As duas equipes fizeram um jogo em “marcha lenta” pelo desgaste de jogos consecutivos em menos de sete dias. O Coelho esteve em campo na terça-feira, 22 de setembro, pela Copa Brasil, classificação contra a Ponte Preta; na sexta-feira, 25, diante da Chapecoense, fora de casa, e pouco mais de 48h depois, encarou os alagoanos, também longe de BH .

Já o CRB também fez uma pequena maratona. Jogou no dia 22 contra o Juventude, não conseguindo seguir na Copa do Brasil; na sexta, pela Série B diante do Botafogo-SP e o confronto com a equipe mineira. O resultado de jogos seguidos foi um espetáculo de baixa força física.

Com a igualdade no placar, o América ficou provisoriamente na quarta colocação, com 19 pontos, mas pode perder a posição ao fim da rodada. Foi o segundo empata seguido do Coelho, que não saiu do zero contra a Chape, na última rodada. Já os alagoanos fazem uma campanha regular, com 17 pontos, na oitava colocação, se mantendo na briga pelo G4.

Próximos jogos

O CRB encara o Avaí na sexta-feira, 2 de outubro, às 19h15, no seu estádio, o Rei Pelé. Já o Coelho terá pela frente o Guarani, às 11h do sábado, 3, no Independência.

FICHA TÉCNICA

CRB 0 x 0 AMÉRICA-MG
Data-Horário: 28 de setembro, às 20h
Estádio-Local: Rei Pelé, Maceió(AL)
Árbitro: Grazianni Maciel Rocha (RN)
Assistentes: Andréa Izaura Maffra Marcelino de Sá(RJ) e Thiago Gomes Magalhães(RJ)
Cartões amarelos:-
Cartões vermelhos:-



CRB: Edson Mardden; Reginaldo, Gum(Xandão-intervalo), Reginaldo Júnior e Hugo; Claudinei(Carlos Jatobá, aos 23’-2ºT), Moacir e Diego Torres(Darlisson aos 37’-2ºT); Luidy(Paulo Dyego-intervalo) , Magno Cruz(Iago Dias, aos 19’-2ºT) e Léo Gamalho. Técnico: Marcelo Cabo

América-MG: Matheus Cavichioli, Diego Ferreira(Guilherme, aos 39’-2ºT), Messias, Eduardo Bauermann e Sávio; Zé Ricardo, Juninho, Alê(Geovane, aos 38’-2ºT) e Felipe Azevedo(Neto Berola, aos 25’-2ºT); Léo Passos(Ademir, aos 14’-2ºT) e Marcelo Toscano(Vitão, aos 13’-2ºT). Técnico: Lisca.