David Nascimento
23/05/2018
04:48
Rio de janeiro (RJ)

O quarteto afastado por um jogo do Vasco - Wellington, Paulão, Evander e Gabriel Félix - chegou ao Rio de Janeiro por volta das 3h desta quarta-feira e deixou o aeroporto do Galeão por uma saída alternativa para evitar encontro com cerca de 20 torcedores que foram protestar. O grupo está sendo alvo da torcida por conta de provocações feitas em polêmica foto publicada no Instagram na segunda-feira - quando fizeram legendas criticando as vaias que recebem.

A decisão do afastamento por um jogo foi comunicada pelo presidente Alexandre Campello na tarde da última terça-feira ao quarteto ainda em Santiago, no Chile. O grupo deixou a concentração e foi direto para o aeroporto para o retorno ao Brasil - conforme o LANCE! antecipou -, sem nem acompanhar a despedida do Vasco da Conmebol Libertadores - o Cruz-Maltino derrotou a Universidad de Chile e conseguiu como "prêmio de consolação" uma vaga na Copa Sul-Americana.

Os quatro jogadores deixaram o Chile pouco antes das 23h de terça-feira em um voo direto para o Galeão. A chegada inicial ao Rio de Janeiro estava programada para às 1h30 desta quarta, mas o pousopouso acabou acontecendo somente às 2h12. A segurança do saguão de desembarque internacional chegou a ser reforçada, além da presença de cerca de 15 seguranças do Vasco. Uma porta lateral também foi aberta para despistar os torcedores. Aos poucos o número foi diminuindo até a dispersão.

Antes de deixarem o Galeão, os torcedores do Vasco que foram até o aeroporto foram até a reportagem do LANCE! para darem a versão do grupo para o episódio: "Hoje iríamos apenas conversar e nos driblaram. Só tinham 20 pessoas aqui. Agora vai ser pior, vamos no próximo treino". Durante a espera, antes da dispersão dos seguranças, também se foi cobrado pelos torcedores um afastamento definitivo do quarteto e que também cobrariam quando os encontrassem em casas noturnas do Rio de Janeiro.

O restante da delegação do Vasco desembarca no Rio de Janeiro às 16h50 desta quarta-feira, também no Galeão. O próximo compromisso do time comandado pelo técnico Zé Ricardo no Campeonato Brasileiro será no domingo, diante do Bahia, fora de casa. Até o fim desta semana o presidente Alexandre Campello deve definir o futuro do quarteto - se o afastamento será mesmo por apenas um jogo, estendido ou algum outro tipo de punição aplicada.

placeholder