David Nascimento
01/12/2016
18:40
Rio de Janeiro (RJ)

Dois dias após a saída de Jorginho, o Vasco apresentou na tarde desta quinta-feira Cristovão Borges como técnico para 2017. Ao lado do presidente Eurico Miranda, que o defendeu de críticas, números foram apresentados e que justificariam o retorno do treinador a São Januário - teve a primeira passagem pelo clube entre 2011 e 2012. De acordo com Eurico Miranda, Cristovão Borges é quem tem o melhor aproveitamento na era dos pontos corridos no campeonato brasileiro: 60,2%.

- A escolha por Cristovão Borges é pessoal. E cheguei a conclusão que ele é o melhor para o Vasco. E por que Cristovão é melhor para o Vasco? Por ser simpático? Não. É por ter 60,2% de aproveitamento na primeira vez. Desde que começou os pontos corridos, foi com Cristovão que o Vasco teve a melhor campanha. E ficamos no G4 54 rodadas. Foi por isso que é a minha escolha para 2017. Não veio por intermédio de ninguém - afirmou Eurico Miranda.


Ao lado de Cristovão Borges, chega ao Vasco o auxiliar Cassiano de Jesus. O novo comandante comentou sobre a experiência em outros clubes que acumulou desde a saída de São Januário pela primeira vez - foi inclusive no Vasco que começou a carreira de treinador e depois passou por equipes como o Flamengo e o Corinthians, seu último trabalho. Ao ser questionado sobre possível aprovação de sua chegada por parte da torcida, Cristovão disse que a sua volta foi pedida por vascaínos:

- Desde que saí do Vasco eu dirigi outras equipes, algumas aqui do Rio também, e sempre fui abordado mais por torcedores do Vasco parabenizando o trabalho feito, alguns pedindo para que eu voltasse. Isso é uma constante na minha vida. Hoje, me sinto mais à vontade por ter vivido outras experiênciais que me enriqueceram e me deram um lastro maior - destacou Cristovão.


O Vasco se reapresentará no dia 2 de janeiro de 2017. A pré-temporada será disputada nos Estados Unidos durante a participação na Florida Cup.