icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
30/07/2013
17:08

Após observar Valdivia jogar "in loco" na vitória por 4 a 1 sobre o ABC, no Pacaembu, no dia 12 de julho, o técnico da seleção chilena, Jorge Sampaoli, confirmou a expectativa e convocou o meia do Palmeiras para o amistoso contra o Iraque, no dia 14 de agosto, em Copenhague, na Dinamarca.

O Mago está na lista anunciada pela federação chilena nesta terça-feira. Foram convocados outros 19 jogadores: todos atuam fora do Chile. Com isso, Valdivia já está fora da partida contra o Joinville, em Santa Catarina, no dia 13. Ele também pode ser desfalque no dia 17, em casa, diante do Paysandu.

Afastado desde o fim de 2011, quando cometeu um ato de indisciplina, o camisa 10 do Verdão já tinha sido convocado por Sampaoli em março deste ano, para os duelos contra Peru e Uruguai, pelas Eliminatórias, mas lesionou a coxa direita dias depois e acabou cortado. Voltou a ser chamado para o amistoso contra o Brasil, no Mineirão, no momento em que estava prestes a ser liberado pelo departamento médico, mas o Palmeiras não o autorizou a ir, e a coxa voltou a incomodar. Liberado pelos médicos, o jogador faz nesta terça, contra o Icasa, pela Série B, sua quinta partida seguida pelo clube.

Na visita que fez ao Brasil recentemente, o treinador, que viu a goleada sobre o ABC ao lado da diretoria do Palmeiras, fez elogios a Valdivia. O meia sonha em estar na Copa do Mundo de 2014. Valdivia fez parte do grupo chileno no Mundial de 2010, na África do Sul (o Chile caiu nas oitavas, após derrota para o Brasil).

González, do Flamengo, e Vargas, do Grêmio, e Mena, do Santos, são os outros atletas que atuam no Brasil chamados pelo técnico da seleção chilena.

Após observar Valdivia jogar "in loco" na vitória por 4 a 1 sobre o ABC, no Pacaembu, no dia 12 de julho, o técnico da seleção chilena, Jorge Sampaoli, confirmou a expectativa e convocou o meia do Palmeiras para o amistoso contra o Iraque, no dia 14 de agosto, em Copenhague, na Dinamarca.

O Mago está na lista anunciada pela federação chilena nesta terça-feira. Foram convocados outros 19 jogadores: todos atuam fora do Chile. Com isso, Valdivia já está fora da partida contra o Joinville, em Santa Catarina, no dia 13. Ele também pode ser desfalque no dia 17, em casa, diante do Paysandu.

Afastado desde o fim de 2011, quando cometeu um ato de indisciplina, o camisa 10 do Verdão já tinha sido convocado por Sampaoli em março deste ano, para os duelos contra Peru e Uruguai, pelas Eliminatórias, mas lesionou a coxa direita dias depois e acabou cortado. Voltou a ser chamado para o amistoso contra o Brasil, no Mineirão, no momento em que estava prestes a ser liberado pelo departamento médico, mas o Palmeiras não o autorizou a ir, e a coxa voltou a incomodar. Liberado pelos médicos, o jogador faz nesta terça, contra o Icasa, pela Série B, sua quinta partida seguida pelo clube.

Na visita que fez ao Brasil recentemente, o treinador, que viu a goleada sobre o ABC ao lado da diretoria do Palmeiras, fez elogios a Valdivia. O meia sonha em estar na Copa do Mundo de 2014. Valdivia fez parte do grupo chileno no Mundial de 2010, na África do Sul (o Chile caiu nas oitavas, após derrota para o Brasil).

González, do Flamengo, e Vargas, do Grêmio, e Mena, do Santos, são os outros atletas que atuam no Brasil chamados pelo técnico da seleção chilena.