icons.title signature.placeholder Daniel Bortoletto
17/06/2014
15:05

Quando o atacante Fernando Torres foi escolhido para conceder entrevista coletiva nesta terça-feira, no Maracanã, uma pergunta ficou clara: Del Bosque irá promover a entrada do jogador do Chelsea no time titular e relegará o hispano-brasileiro Diego Costa ao banco de reservas? No entanto, o camisa 9 da Fúria preferiu despistar e não deu indícios sobre a escalação

- Pergunte para o mister (referindo-se a Vicente del Bosque). Ainda não sabemos nada - afirmou Torres, muito bem-humorado e arrancando risadas dos jornalistas no local.

Torres sabe também que um resultado diferente da vitória diante do Chile pode complicar a vida da Espanha na Copa do Mundo, já que o time foi goleado por 5 a 1 para a Holanda na primeirada rodada. Com isso, a expectativa da Fúria é vencer o time sul-americano por um placar elástico e depender só de si para garantir a classificação.

E MAIS:

> Fàbregas insinua que Xavi também vai deixar o Barcelona
> Presidentes de Barça e Real teriam ajudado Qatar a conseguir Copa de 2022

- Será uma partida como as outras, muito intensa. Temos de ter paciência, já que podemos ganhar no primeiro ou último minito. A ansiedade não pode tomar conta. Precisamos sentir e ler a partida. Talvez esse foi o problema que tivemos contra a Holanda. Não tivemos essa sensibilidade. Saber quando controlar, quando ir para cima... Os chilenos são muito agressivos, têm muita intensidade - completou Fernando Torres.