icons.title signature.placeholder RADAR / LANCEPRESS!
10/11/2014
18:18

A poucos dias de Atlético-MG e Cruzeiro entrarem em campo para o jogo de ida da decisão da Copa do Brasil, os torcedores cruzeirenses ainda não sabem se poderão acompanhar a partida no Independência. Após a vistoria do Comando Especializado da Polícia Militar, que ocorreu nesta segunda-feira com a presença dos representantes de dois clubes, trouxe um impasse quanto à localização da torcida visitante:

- Ao nosso entender, o setor disponibilizado pelo Atlético-MG tem capacidade para 2.219 pessoas. Porém, com o isolamento feito por nós, este número vai reduzir para 1.871 lugares, capacidade com a qual o representante do Cruzeiro não concordou - afirmou o Coronel Ricardo Machado, em entrevista à Rádio Globo BH.

Segundo o Coronel Machado, a Polícia Militar tentará selar um acordo com os presidentes dos dois clubes:

- Aguardamos as respostas dos mandatários para sabermos se vamos disponibilizar ou não os ingressos. Tão logo se decida, vamos anunciar as medidas. Caso o impasse siga, irei atuar de maneira técnica. Espero resolver a questão até as 10h, 11 de amanhã (terça-feira).

O Coronel também adiantou que a diretoria do Galo acenou com a possibilidade de o jogo no Independência ter torcida única. A carga de ingressos para torcedores do Cruzeiro no Horto não chegou a ser disponibilizada, devido à cautela da diretoria sobre o caso.