icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
02/02/2015
19:46

Sem medo de aumentar a pressão sobre si mesmo, Geuvânio foi ousado e estabeleceu uma meta de gols para 2015. Em entrevista ao LANCE!Net em dezembro, ele falou que gostaria de marcar 20 vezes na temporada, seis a mais do que em 2014. O objetivo parece difícil, mas pode ser alcançado até antes do esperado se o meia-atacante do Santos mantiver o ritmo da estreia no ano. Contra o Ituano, domingo, ele marcou duas vezes e se destacou na vitória por 3 a 0.

O que poucos sabiam é que, além da meta, Geuvânio ganhou um incentivo a mais neste início de temporada. Ele recebeu um aumento salarial do Peixe, mesmo sem ter tido seu contrato prolongado – o vínculo vai até 2017.

– Tive uma conversa com o Dagoberto (Fernando, diretor executivo) e ele resolveu dar um aumento no meu salário. Tive um reajuste e fico feliz pelo reconhecimento que tiveram por mim – afirmou o Menino da Vila, que já havia renovado o contrato no ano passado.

Garçom da última temporada, com 17 assistências, o camisa 45 acha que ainda precisa aprimorar as finalizações para manter o ritmo goleador e atingir a sua meta. Para conseguir isso, a fórmula é uma só: muito treino!

– Sempre venho trabalhando, tentando melhorar as finalizações. O professor (Enderson Moreira) sempre fala para eu chutar. Nos treinos de finalização, procuro caprichar, e na partida contra o Ituano fui feliz – disse o meia-atacante.

Elogiado pelo treinador e ovacionado pela torcida, Geuvânio começa 2015 de forma parecida que iniciou a última temporada, quando foi eleito o jogador revelação do Paulista. Contudo, em 2014 ele oscilou na reta final do Estadual, perdeu lugar no time e teve de batalhar para recuperar a titularidade. Agora, contudo, ele acredita que pode manter a pegada e, enfim, realizar o sonho de conquistar títulos no clube em que foi revelado.

– Tentamos nos superar a cada jogo, vamos em busca desses desempenho dentro e fora de casa para começarmos bem o ano e almejarmos coisas grandes no campeonato.