icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
27/07/2013
16:28

No dia 22 de julho de 1998, o meia Juninho Pernambucano marcou o gol mais importante de sua carreira. Conhecido como "Monumental", o belo gol em cobrança de falta contra o River Plate (ARG), no estádio Monumental de Nuñez, pela semifinal da Taça Libertadores, deixou o placar agregado em 2 a 1 e classificou o Vasco para a final da competição.

Pelos 15 anos do feito, o Cruz-Maltino presenteou o Reizinho com uma placa com os seguinte texto: "O Clube de Regatas Vasco da Gama parabeniza o atleta Juninho Pernambucano pelos 15 anos do Gol Monumental, fundamental para conquista da Libertadores de 1998. Obrigado, Rei da Colina, por ter feito nossa imensa torcida tão feliz. Rio de Janeiro, 22 de julho de 2013, Club de Regatas Vasco da Gama".

Juninho disse que a homenagem serve como motivação e afirmou que guardará a placa com muito carinho.

- Foi o gol mais importante da carreira pelo significado e pelo título que veio em sequência, mas não foi algo que me fez parar no tempo e ficar pensando só nisso. É uma motivação a mais para mim e principalmente para os mais jovens que têm a oportunidade de marcar seu nome na história de um clube como o Vasco. O prêmio representa muito e vou guardar esse momento com todo o carinho - declarou Juninho, ao site oficial.

O presidente do Vasco, Roberto Dinamite, que entregou a placa ao Reizinho, falou sobre a importância do jogador para o clube.

- Nada mais é do que o justo reconhecimento da trajetória, da carreira e de tudo que representou aquele gol, que foi muito importante na conquista daquela Libertadores. O Juninho merece a homenagem e o Vasco da Gama também - completou o presidente.

No dia 22 de julho de 1998, o meia Juninho Pernambucano marcou o gol mais importante de sua carreira. Conhecido como "Monumental", o belo gol em cobrança de falta contra o River Plate (ARG), no estádio Monumental de Nuñez, pela semifinal da Taça Libertadores, deixou o placar agregado em 2 a 1 e classificou o Vasco para a final da competição.

Pelos 15 anos do feito, o Cruz-Maltino presenteou o Reizinho com uma placa com os seguinte texto: "O Clube de Regatas Vasco da Gama parabeniza o atleta Juninho Pernambucano pelos 15 anos do Gol Monumental, fundamental para conquista da Libertadores de 1998. Obrigado, Rei da Colina, por ter feito nossa imensa torcida tão feliz. Rio de Janeiro, 22 de julho de 2013, Club de Regatas Vasco da Gama".

Juninho disse que a homenagem serve como motivação e afirmou que guardará a placa com muito carinho.

- Foi o gol mais importante da carreira pelo significado e pelo título que veio em sequência, mas não foi algo que me fez parar no tempo e ficar pensando só nisso. É uma motivação a mais para mim e principalmente para os mais jovens que têm a oportunidade de marcar seu nome na história de um clube como o Vasco. O prêmio representa muito e vou guardar esse momento com todo o carinho - declarou Juninho, ao site oficial.

O presidente do Vasco, Roberto Dinamite, que entregou a placa ao Reizinho, falou sobre a importância do jogador para o clube.

- Nada mais é do que o justo reconhecimento da trajetória, da carreira e de tudo que representou aquele gol, que foi muito importante na conquista daquela Libertadores. O Juninho merece a homenagem e o Vasco da Gama também - completou o presidente.