icons.title signature.placeholder Felipe Mendes, enviado especial*
icons.title signature.placeholder Felipe Mendes, enviado especial*
09/07/2013
17:57

Os ginastas brasileiros não conquistaram medalha na disputa do individual geral, nesta terça-feira, na Universíade de Kazan, na Rússia. No Gymnastics Centre, vinte e quatro atletas brigaram pelos lugares no pódio. Arthur Mariano ficou na 11ª colocação, com 84,900 pontos, enquanto Francisco Barreto Júnior foi o 24º,com 78,000. O ouro ficou com o russo Nikolai Kuksenkov, com 89,950 pontos, seguido pelo alemão Fabian Hambuechen, com 89,850. O bronze foi dividido entre dois ginastas: o russo David Belyavskiy e o ucrianiano Oleg Verniaiev, que somaram 89,600 pontos.

Nesta quarta-feira, último dia de disputa da ginástica artística em Kazan, os brasileiros voltam a competir, dessa vez nas finais por aparelhos. Maior nome da delegação do Brasil na Universíade, o campeão olímpico em Londres-2012 Arthur Zanetti busca o bicampeonato universitário nas argolas. Ele venceu em Shenzhen-2011. Péricles Silva compete no cavalo com alças e Arthur Mariano se apresenta na barra fixa. As finais começam às 8h30 (de Brasília).

No basquete feminino, a Seleção Brasileira derrotou Mali. No Miras Sports Complex, a equipe venceu por 78 a 51, pelo Grupo B. Com esse resultado, o Brasil está em segundo, com três pontos, superando a República Tcheca no critério de desempate. A liderança é dos EUA, com quatro pontos. A Seleção volta à quadra nesta quarta-feira para enfrentar justamente as americanas. A partida está marcada para as 5h30 (de Brasília).

E no futebol feminino, a equipe brasileira derrotou o Japão, por 1 a 0, pelo Grupo C, no Olymp Stadium. O gol brazuca foi marcado por Gabriela Demoner, aos 20 minutos do primeiro tempo. Com a vitória, o Brasil terminou a fase de classificação em terceiro, com seis pontos. A pontuação é a mesma de Japão e Grã-Bretanha, mas a Seleção perdeu no critério de desempate. Nas quartas de final, o adversário será a China Taipei, quinta-feira, às 12h (de Brasília).

* O repórter viaja a convite da CBDU

Os ginastas brasileiros não conquistaram medalha na disputa do individual geral, nesta terça-feira, na Universíade de Kazan, na Rússia. No Gymnastics Centre, vinte e quatro atletas brigaram pelos lugares no pódio. Arthur Mariano ficou na 11ª colocação, com 84,900 pontos, enquanto Francisco Barreto Júnior foi o 24º,com 78,000. O ouro ficou com o russo Nikolai Kuksenkov, com 89,950 pontos, seguido pelo alemão Fabian Hambuechen, com 89,850. O bronze foi dividido entre dois ginastas: o russo David Belyavskiy e o ucrianiano Oleg Verniaiev, que somaram 89,600 pontos.

Nesta quarta-feira, último dia de disputa da ginástica artística em Kazan, os brasileiros voltam a competir, dessa vez nas finais por aparelhos. Maior nome da delegação do Brasil na Universíade, o campeão olímpico em Londres-2012 Arthur Zanetti busca o bicampeonato universitário nas argolas. Ele venceu em Shenzhen-2011. Péricles Silva compete no cavalo com alças e Arthur Mariano se apresenta na barra fixa. As finais começam às 8h30 (de Brasília).

No basquete feminino, a Seleção Brasileira derrotou Mali. No Miras Sports Complex, a equipe venceu por 78 a 51, pelo Grupo B. Com esse resultado, o Brasil está em segundo, com três pontos, superando a República Tcheca no critério de desempate. A liderança é dos EUA, com quatro pontos. A Seleção volta à quadra nesta quarta-feira para enfrentar justamente as americanas. A partida está marcada para as 5h30 (de Brasília).

E no futebol feminino, a equipe brasileira derrotou o Japão, por 1 a 0, pelo Grupo C, no Olymp Stadium. O gol brazuca foi marcado por Gabriela Demoner, aos 20 minutos do primeiro tempo. Com a vitória, o Brasil terminou a fase de classificação em terceiro, com seis pontos. A pontuação é a mesma de Japão e Grã-Bretanha, mas a Seleção perdeu no critério de desempate. Nas quartas de final, o adversário será a China Taipei, quinta-feira, às 12h (de Brasília).

* O repórter viaja a convite da CBDU