icons.title signature.placeholder Marcello Vieira
28/11/2013
19:43

O Fluminense conseguiu nesta quinta-feira efeito suspensivo para o diretor de futebol Rodrigo Caetano, punido por 30 dias pelo STJD por ofensas ao árbitro André Luiz de Freitas Castro (GO) no jogo contra o Corinthians, e o dirigente está liberado para acompanhar a equipe nas duas rodadas decisivas do Campeonato Brasileiro.

Assim que a decisão foi tomada, o advogado do clube, Mário Bittencourt, entrou com a solicitação de efeito suspensivo que foi deferido cerca de 24 horas após o requerimento.

Rodrigo Caetano só deverá ser julgado novamente após o Campeonato Brasileiro.