icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
15/07/2014
11:17

O Bahia sofreu um revés para a sequência do campeonato, e não foi por conta de lesão de algum jogador, problema que marcou o início do tricolor na competição. O STJD condenou o clube a dois mandos de campo com portões fechados, por conta de uma lata de cerveja que foi atirada na direção do treinador Oswaldo de Oliveira, do Santos.

A punição não valerá já para o confronto com o São Paulo, nesta quarta. O time baiano não contará com torcida nos duelos com Internacional e Goiás, mas ainda poderá mando de campo na Fonte Nova.

Além da ausência de torcida, o clube foi multado em R$30 mil reais.