IPTL

Selfie das equipes da IPTL em 2014 - Twitter

LANCE!
30/11/2015
17:36

A Liga Premier Internacional de Tênis (IPTL, na siga em inglês), chega a sua segunda edição com equipe e sede novas, além de muitas estrelas do tênis mundial. O mineiro Marcelo Melo está entre eles.

O projeto criado e idealizado pelo ex-tenista indiano especialista em duplas, Mahesh Bhupathi mantém o mote de levar aos fãs asiáticos a oportunidade de ver os melhores tenistas do mundo, em duplas, simples, do presente e do passado, mas não apenas como uma simples exibição e sim como uma competição, valendo uma premiação.

Com o sucesso da edição 2014, os organizadores pensaram em incluir até duas novas cidade-sedes à competição, entretanto, o contrato firmou-se apenas com Kobe, no Japão, que através de sua equipe o 'Warriors' se juntou aos times de Dubai, Nova Delhi, Manilla e Cingapura.

Organização e convocação dos atletas

Os organizadores da IPTL têm contrato firmado com as cidades sedes para cada edição. A partir daí, uma equipe é montada para organizar o time local. Nela é designado um capitão, normalmente um ex-atleta ou treinador importante da cidade, que fica responsável por 'convocar' e contratar os tenistas.

A empresa de Bhupathi disponibiliza para os atletas do circuito profissional - feminino e masculino, em simples e duplas - a oportunidade de 'se inscreverem' como candidatos à competição. Com os nomes dos jogadores interessados, os capitães organizam suas equipes de acordo com a verba estabelecida através de um patrocinador Master que dá nome à equipe - na fórmula: Patrocinador + Cidade+Nome do Time - e a verba da IPTL, que é igual para as equipe, dada pela organização.

A equipe local ainda é responsável a junto à Liga escolher e preparar o estádio que receberá os jogos das eliminatórias locais.

Formato da competição

Em formato de grupo, todas as equipes jogam umas contra as outras, nas cinco etapas, uma por cidade, com duelos divididos em três dias de programação.

As disputas entre as equipes conta com o primeiro set disputado em simples por homens, na sequência simples feminino, duplas mistas, duplas masculino e jogo entre 'lendas' (os veteranos). Cada set vencido conta um ponto para a equipe, que entra na somatória final para classificação.

Confira as equipes:
Indian Aces: Campeã da primeira edição da IPTL, a equipe que representa a cidade indiana de Nova Delhi, será liderada por Rafael Nadal e conta ainda com o francês Gaël Monfils, o parceiro de Marcelo Melo no circuito de duplas e campeão de Roland Garros 2015, o croata Ivan Dodig, além dos especialistas em duplas locais Rohan Bopanna e Sania Mirza, líder do ranking feminino de duplas, campeã em Wimbledon ao lado de Martina Hingis. A lenda da equipe será o francês, de voleios desconcertantes, Fabrice Santoro.

Philippine Mavericks: Terceiros colocados na edição 2014, o time filipino com sede em Manila será liderado pela estrela local Treat Huey, especialista em duplas, e contará com a líder do rnaking feminino Serena Williams, com a australiana Jarmila Gajdosova, a alemã Sabine Lisicki, os franceses Richard Gasquet e Edouard Roger Vasselin e o canadense Milos Raonic. A lenda da equipe será o australiano Mark Philippoussis, vice-campeão em Wimbledon (2003) e US Open (1993).

UEA Royals: Vice-campeã da competição em 2014, a equipe dos Emirados Árabes, com sede em Dubai, tem sua constelação comandanda pelo 17 vezes campeão de Grand Slam, Roger Federer, que conta ainda com a ex-número um do mundo a sérvia Ana Ivanovic, o croata campeão do US Open 2014 Marin Cilic, o tcheco Tomas Berdych, o duplista canadense Daniel Nestor e a francesa Kristina Mladenovic. A lenda da equipe é o campeão de wimbledon em 2001 Goran Ivanisevic.

Cingapura Slammers: Últimos colocados na edição 2014, a equipe de Cingapura será liderada pelo líder do ranking masculino, Novak Djokovic e terá Marcelo Melo como especialista em duplas, além dos habilidosos, alemão Dustin Brown e o australiano Nick Kyrgios, que também gosta de uma polêmica, além da suíça Belinda Bencic e da tcheca Karolina Pliskova. A lenda da equipe será o espanhol ex-número um do mundo e campeão de Roland garros em 1998, Carlos Moyá.

Japan Warriors: Estreante na competição, a equipe japonesa foi a quinta a aderir ao torneio e será liderada pela estrela local Kei Nishikori e contará ainda com o alemão Philipp Kohlschreiber, o duplista indiano Leander Paes, a ex-número um do mundo Maria Sharapova e a local Kurumi Nara. A lenda da equipe será o polêmico e talentoso ex-número um do mundo, o russo Marat Safin.