Daniel Alves e Neymar - Barcelona (Foto: Josep Lago/AFP)

Daniel Alves saiu em defesa de Neymar, seu companheiro de Barcelona (Foto: Josep Lago/AFP)

RADAR/LANCE!
26/03/2016
13:02
Recife (PE)

Neymar não conseguiu repetir as atuações que costuma ter no Barcelona na partida contra o Uruguai, na última sexta-feira. Outro que ficou longe do que costuma fazer no clube catalão foi Daniel Alves. O lateral-direito fez questão de sair em defesa dele e do companheiro, alegando que não é possível jogar da mesma forma no clube e na Seleção Brasileira.

- No Barça, a bola chega um pouco mais redonda do que contra o Uruguai, e acredito que se aqui fosse o Barça, não teríamos nem que nos mover. Não é o mesmo conceito nem filosofia de jogo. Temos que nos adaptar a outro perfil de jogo e estilo. Se as pessoas querem nos ver jogar como no Barça, que vejam os jogos do Barça. Aqui não conseguiremos, não temos a mesma filosofia. É complicado porque estamos acostumados a outras características - disse o jogador ao jornal “Mundo Deportivo”.

Daniel Alves também tentou justificar o cartão amarelo levado por Neymar contra a Celeste, que o deixou de fora do jogo contra Paraguai, na próxima terça-feira. Segundo ele, o craque se irritou porque o árbitro não estava marcando algumas faltas.

- O pegaram bastante e no fim o árbitro nada fazia, então se irritou. Mas são coisas do futebol. Aqui na América do Sul se é um pouco mais permissivo que lá, o que torna mais difícil de jogar. Mas as desculpas são para os perdedores, e temos que buscar o melhor e nos acostumarmos a tudo isso - comentou.