Centurión - São Paulo

Centurión fez somente dois gols nesta temporada (Foto: Maurício Rummens/Fotoarena/LANCE!Press)

Marcio Porto
02/08/2016
21:50
São Paulo (SP)

Em dois dias, o São Paulo perdeu o segundo argentino para a sequência da temporada. Depois de liberar Edgardo Bauza para ser o técnico da seleção da Argentina na última segunda-feira, nesta terça o Tricolor resolveu aceitar os pedidos de Ricardo Centurión para sair do clube. O Boca Juniors (ARG) ficará com o gringo em empréstimo de um ano.

Ricky foi liberado para viajar a Buenos Aires já na manhã desta quarta-feira, quando o restante do elenco tricolor se reapresentará no CT da Barra Funda. A diretoria pensava em vetar a saída do argentino para amenizar as carências do setor ofensivo, mas a insistência do atleta em deixar o time do Morumbi acabou sendo determinante no caso.

Antes de se despedir do São Paulo, Bauza já havia deixado claro que apoiava a transferência de Centurión, mas teria reunião com os dirigentes para analisar a situação pela última vez. Os detalhes da transferência ainda não foram anunciados pelos tricolores, que recentemente contrataram do Boca o também atacante Andres Chavez por empréstimo de um ano.

Comprado em fevereiro de 2015 por mais de R$ 13 milhões, com investimento do agora diretor de marketing Vinícius Pinotti, Centurión disputou 81 partidas pelo São Paulo e marcou oito gols, além de ter dado nove assistências. Os melhores momentos pelo clube foram na Libertadores, tanto em 2015, quando garantiu vitórias suadas contra Danubio (URU) e Cruzeiro, como em 2016, com atuação de gala diante do Toluca (MEX).